Resultados para: "vitamina pro utero"

Você está a ver bebé , gravidez e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa vitamina pro utero. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, ver parto normal ver tudo, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Vitamina K – uma vitamina essencial para o seu bebé

Depois do parto irão perguntar-lhe se quer que o seu bebé receba um suplemento de vitamina K. Esta é uma vitamina essencial para ajudar a coagulação do sangue e, como os bebés recebem muito pouca na sua dieta de leite, há um pequeno risco de poderem sofrer hemorragias internas. Há duas formas de dar o suplemento aos bebés: Por injeção. Só é necessária uma dose para prevenir a deficiência de vitamina K. Pela boca. Dão-se duas doses na primeira semana e os bebés amamentados poderão tomar outra dose passado um mês. Ler Mais...

A minha parteira disse-me que estou anémica. Posso melhorar os meus níveis de ferro com uma dieta?

Todas as mulheres grávidas deveriam fazer uma despistagem de anemia no início da gravidez (na primeira consulta) e de novo nas 28 semanas. Em geral, aconselha-se na gravidez uma dieta rica em ferro e isso é suficiente para prevenir ou melhorar a anemia. Coma muita carne vermelha magra, feijões, frutos secos, legumes de folhas verde-escuras, cereais e pão, tente incluir na sua dieta alimentos ou bebidas enriquecidos com vitamina C, pois a vitamina C ajuda o corpo a absorver o ferro com mais eficácia. As mulheres vegetarianas precisam de comer muitos ovos, leguminosas, feijões e frutos secos para aumentar o fornecimento de ferro. Podem-lhe recomendar comprimidos de ferro dependendo dos níveis de ferro – se estão muito baixos ou não. Ler Mais...

A necessidade de garantir minerais e vitaminas

Qualquer dieta lacto ou ovo-lacto vegetariana pode garantir as necessidades diárias da criança em vitaminas, minerais, proteínas e outros nutrientes. As dietas vegan extremas podem ser carentes em vitamina B12, cuja deficiência pode causar anemia e doença neurológica. A vitamina B12 (também designada por cobalamina) é produzida pelas bactérias que atuam sobre a carne dos animais, depois de estes as absorverem ou ingerirem, e que passam depois no leite e nos ovos. Isso explica a carência nas dietas vegetarianas estritas, pois apesar de nós (como todos os animais, afinal) termos bactérias no intestino, a absorção desta vitamina faz-se numa zona anterior àquela onde ela é produzida. Portanto, ou vem já nos alimentos ou a produção é inútil. Assim, no caso de dietas vegetarianas estritas recomenda-se um suplemento desta vitamina. Algumas algas, miso e temphé utilizadas neste tipo de alimentação. No que se refere ao cálcio, encontra-se nos produtos lácteos e nas folhas verdes, designadamente brócolos e couves. Também existe no tofu e na soja. Por outro lado, sabe-se que o excesso de consumo de carne e peixe pode ter uma ação de excreção aumentada do cálcio, levando a carências, reveladas em osteoporose e outras situações. O ferro, fundamental no crescimento, desenvolvimento cerebral e formação de hemoglobina, existe nos cereais, tofu, produtos integrais, legumes verdes, hortaliças, leguminosas e salsa. É melhor absorvido se for consumido simultaneamente com vitamina C, que existe nos citrinos, tomate, kiwi, morangos, couve e brócolos. Outro mineral, de que se fala pouco, mas que é muito importante no metabolismo geral, é o zinco. São fontes de zinco o tofu, a soja, os frutos secos e o gérmen de trigo. O que é fundamental, é que as crianças a quem os pais não dão carne, peixe, ovo a até leite de vaca, saibam o que está em jogo combinem com o médico-assistente uma opção intermédia que permita à criança ver satisfeitas as suas necessidades fisiológicas e de crescimento, e manter ao mesmo tempo ainda que não integralmente, os desejos dos pais. Ler Mais...

A minha endometriose está a evitar que eu engravide? Há dois anos que estamos a tentar

A endometriose ocorre quando as células da parede do útero, o endométrio, se espalham para outras áreas, corno as trompas de Falópio, ovários e pélvis, o que pode causar cicatrizes e bloqueios que podem afectar a fertilidade. Embora tenha endometriose, não deve concluir que essa é a única causa do seu problema. O conselho geral para qualquer casal que tenha estado a tentar engravidar há mais de 18 meses é que procure aconselhamento médico e o mais certo é que irão ser pedidos a ambos exames para determinar se haverá alguma causa específica para a gravidez não acontecer. Há provas que nos levam a concluir que a dieta tem o seu papel nos sintomas da endometriose; julga-se que aumentar a ingestão de vitamina C e E mais B1, B6 e B12, em conjunto com o aumento de ingestão de ácidos gordos essenciais ómega-3 e ómega-6, e reduzir a ingestão de carne vermelha e gorduras encontradas nos alimentos processados, podem ajudar a reduzir os sintomas de endometriose e por outro lado aumentar a fertilidade das mulheres com esse problema. Ler Mais...
Vitamina pro utero | Para Pais.