Resultados para: "utero abrindo tem como fechar"

Você está a ver gravidez , criança e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa utero abrindo tem como fechar. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, ver parto normal ver tudo, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Quando estarei completamente dilatada?

"Completamente dilatada" significa que o seu colo do útero está completamente aberto para que o bebé possa descer a vagina e nascer. Quando o trabalho de parto começa, o colo do útero ou está fechado ou está um ou dois centímetros aberto. As contrações do útero vão-no abrindo gradualmente até estar completamente aberto. Logo que isso acontece, você entra na segunda fase do trabalho de parto, que dura até ao parto. O ponto em que o seu colo do útero fica completamente dilatado pode ocorrer rapidamente depois do início de contrações fortes e regulares, ou pode levar muitas horas. Ler Mais...

O meu bebé pode ver luzes brilhantes? Estou com 32 semanas de gravidez.

Os olhos do bebé começam a desenvolver-se desde o início das 4-5 semanas com as pálpebras a formarem-se por volta das 8 semanas e a fecharem-se entre as 9 e 12 semanas. Pelas 24 semanas, toda a estrutura do olho está completamente desenvolvida e por volta das 28 semanas as pálpebras começam a abrir e a fechar. Embora tenhamos tendência a presumir que o útero é escuro, isso não é assim. Entre as 30 e as 32 semanas, o bebé tem noção de ambientes luminosos e escuros, dependendo do lugar onda a mãe se encontra e da hora do dia. Estudos têm concluído! que não só os bebés reagem à luz mas têm sido vistos em ecografias a tentar agarrar a fonte de luz. Quando um bebé nasce, reage às luzes franzindo ou piscando os olhos e pode ver a uma distância de cerca de 15-20 cm (a mesma distância dos seios à cara da mãe!). Ler Mais...

O que é um “D e C”?

D e C são as iniciais para dilatação e curetagem, um procedimento cirúrgico no qual a abertura do útero, o colo do útero, é dilatada e o tecido que envolve as paredes do útero é raspado ou removido (curetagem). Este procedimento é algumas vezes utilizado para garantir a evacuação do conteúdo uterino de uma gravidez não evolutiva. Há vantagens e desvantagens a considerar antes de fazer um D e C. O processo fica em geral concluído em duas horas e muitas mulheres recomeçam a sua actividade no prazo de uma semana. No entanto, a necessidade de uma raspagem cirúrgica ou D e C depois de um aborto tem sido questionada devido a potenciais complicações, tais como hemorragia e infecção. Peça conselho ao seu médico. Há opções menos agressivas do que o D e C. Um método é o de simplesmente observar e esperar para ver se o útero irá expelir espontaneamente quaisquer conteúdos restantes da concepção. Outra opção é um tratamento com medicamentos, que estimulam as contracções do útero para expelir naturalmente os tecidos da gravidez. Ler Mais...

O que é um aborto?

Um aborto á a expulsão ou a extracção do útero de um embrião ou feto antes da 24ª semana de gravidez. Os sinais de um aborto são sangramento vaginal e dores semelhantes às menstruais. Como nem todos os abortos seguem o mesmo padrão, há várias formas de descrever o que acontece. * Ameaça de aborto ocorre quando há sangramento que pode ou não ser acompanhado de dor, mas o feto sobrevive. * Aborto incipiente ocorre quando há sangramento e dores devido a contracções do útero, o canal cervical dilata e o feio é expelido. * Aborto retido ocorre quando o feto morre mas mantém-se no útero e ou é expelido mais tarde naturalmente ou retirado por operação. Ler Mais...

O que é que a FIV envolve?

A FIV ou Fertilização in vitro envolve a remoção cirúrgica de um óvulo que é posto em contacto com espermatozóides numa cultura de laboratório para fertilizar e produzir um embrião fora do útero. O tratamento ocorre por fases que devem ser completadas para haver sucesso. Inicialmente é utilizado um medicamento em forma de spray nasal ou injecção para interromper o ciclo natural da produção de ovos no ovário, conhecido como “downregulation”. Dão-se então medicamentos indutores da ovulação. Os óvulos são recolhidos dos ovários com uma agulha fina com controlo ecográfico. O processo é em geral mais desconfortável do que doloroso. O esperma do homem e recolhido e posto em contacto com os óvulos. Em poucos dias um ou as vezes dois embriões são transferidos para o útero. Se um dos embriões se implantar com sucesso nas paredes do útero e continuar a crescer, a gravidez resultou. Ler Mais...

Tive três abortos – os meus cuidados pré-natais serão diferentes por causa disso?

Enquanto que um ou até dois abortos são relativamente normais, três não é tanto assim. Se teve abortos recorrentes, terá cuidados pré-natais especiais. Deverá ser aconselhada a tomar pequenas doses de aspirina se houver provas de que tem tendências para fazer um coágulo sanguíneo, chamado síndroma antifosfolipido (aPL). Também lhe será feita uma ecografia vaginal para verificar se tem o colo do útero fraco, quer dizer, se o colo do útero não consegue aguentar o bebé em crescimento. Se for diagnosticado um colo do útero fraco, dar lhe-ão um ponto durante a gravidez para o manter fechado. Há algumas provas de que, se tomar as hormonas progesterona ou gonadotrofina conónica no início da gravidez, pode reduzir o risco de aborto. Ler Mais...
Utero abrindo tem como fechar | Para Pais.