Resultados para: "sonhar com cirurgia de parto e com a crianca"

Você está a ver alimentação , criança e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa sonhar com cirurgia de parto e com a crianca. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, ver parto normal ver tudo, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Não tenho tido problemas, mas não quero passar pelo parto. Posso optar por uma cesariana?

Se não houver causas médicas para uma cesariana e isso for simplesmente devido ao seu medo das dores do trabalho de parto, então optar por uma cesariana é uma opção drástica. Uma cesariana é uma cirurgia abdominal e, embora por vezes seja preferível, não é um método favorável por várias raes, como o risco de problemas pós-operatórios resultantes da cirurgia, um maior risco de problemas secundários de fertilidade, ou de o segundo bebé ter de nascer por cesariana, e um risco aumentado de depressão pós-parto. Seria melhor falar com a sua parteira sobre as opções disponíveis para aliviar a dor e assegurar-se de que tea que mais lhe convier. Ter consigo durante o trabalho de parto alguém que conheça e em quem confie pode reduzir imenso a sua ansiedade. Se, mesmo assim, sentir que não consegue passar pelo trabalho de parto, pode ter de falar com o seu obstetra pois a decisão final deverá ser dele. Ler Mais...

Todas as mulheres podem amamentar? A minhae diz que não conseguia.

A maioria das mulheres consegue amamentar. Pode concluir que o sistema de cuidados maternos impediu que a suae amamentasse, pois houve uma altura em que diziam às mães para dar de mamar só de quatro em quatro horas. Aprender o mais que puder sobre a amamentação, com antecedência, irá dar-lhe mais hipóteses de ser bem-sucedida, Um mito comum é que o tamanho dos seios afeta a capacidade de amamentar, mas isso não é o caso. Uma cirurgia aos seios pode afetar a amamentação, mas mesmo depois da cirurgia mais invasiva é possível que uma porção das glândulas e canais originais se mantenham intactos. Espero que venha a ter confiaa suficiente para tentar amamentar. Ler Mais...

Ouvi dizer que é mais difícil amamentar depois de uma cesariana – é verdade?

As mulheres que passaram por uma cesariana ficam com mais dores do que as que tiveram um parto vaginal e os estudos revelam que a dor pós-operatória pode afetar a amamentação. Depois de uma cirurgia, não é fácil movimentar-se durante um dia ou mais. Estes fatores tomam o amamentar num maior desafio, no começo. Contudo, muitos hospitais dão bons alívios para a dor pós-parto, o que ajuda as mulheres a amamentar. Adotar posições que não façam pressão nos seus pontos, também ajuda. Mesmo que não amamente nas primeiras 24 horas, é importante haver um contacto pele com pele, entre si e o seu bebé, o mais cedo possível. Ler Mais...

Os sonhos

Quando e quanto se sonha? Como se começa a sonhar? E se os bebés sonham, sonham com quê? Será que os pesadelos são «um terrorista a roubar o biberão?» Ou outro menino a tirar o ursinho de peluche favorito? E os sonhos bons? Ae? O pai? Os momentos de sol e de bom tempo? O mar? Os passeios com a deliciosa trepidação da caada portuguesa? O bem-estar, o afeto, os miminhos. Sentir-se amado? Amar? O que sonham os bebés? Será que sonham? A ciência também descobriu que os sonhos variam, em qualidade e caraterísticas, ao longo do sono - os sonhos do início do dormir são relatados mais brevemente, com menos enredo e pormenores. Mais para o fim do sono (de madrugada), os sonhos tornam-se mais saborosos em conteúdo (aacontece sonhar, acordar, e tentar voltar ao sonho, tal a riqueza dos pormenores de que nos lembramos). E por vezes, de madrugada, a realidade está aí mas como não nos apetece deixar de sonhar integramo-la no sonho. No que se refere às fontes dos sonhos, tudo pode ser «sonhável» - as experiências do dia-a-dia, coisas e fatos inventados, cenários que não são os apropriados (pessoas que vivem agora em ambientes ou casas nos quais vivemos há dezenas de anos). Baseando-se os sonhos nas memórias, na informação e no cruzamentro (por vezes caótico) desses dados, pode dizer-se que um bebé muito pequeno não terá muito material para elaborar os sonhos. Ah! Mas não nos podemos esquecer de toda a memória antropológica guardada no arquivo genético, nem da memória de nove meses de seguraa, paz e tranquilidade na vida intra-uterina. Então os bebés têm, realmente, muito material, bom e mais perturbador, engraçado ou atemorizador, para construir sonhos. Desde a vida intra-uterina. Os bebés sonham. Felizmente! Espero que sonhem toda a vida, a dormir ou acordados, à procura da utopia e dos ideais que nunca se alcaam mas que são o objectivo da nossa vida. Ler Mais...

O que pode afectar a fertilidade de uma mulher?

Condições como a síndrome do ovário policístico (um desequilíbrio hormonal que provoca quistos no ovário) e a endometriose podem prejudicar a fertilidade. Outros desequilíbrios hormonais, como baixos níveis de FSH e LH podem afectar a ovulação; ou os níveis de progesterona podem ser demasiado baixos para reter um ovo fertilizado. Trompas de Falópio danificadas, devido a uma gravidez ectópica, cirurgia endometriose ou doea inflamatória pélvica, a qual pode ser causada por uma infecção como a clamídia podem evitar a concepção. Ovários danificados podem resultar de cicatrizes devidas a uma cirurgia ou infecção ou o fornecimento de ovos pode ser baixo. Algumas mulheres têm uma malformação do útero ou têm cicatrizes uterinas, que podem prejudicar a implantação de um ovo com sucesso. Ler Mais...

Já fiz duas cesarianas e agora fui aconselhada a fazer uma eletiva. Isso será necessário?

É prática comum aconselhar as mulheres que já fizeram mais do que uma cesariana ou uma cirurgia que envolva o corte do útero a fazer uma cesariana eletiva. Isto porque o risco de rutura do útero durante o trabalho de parto é um pouco mais elevado com cada um destes processos. Em geral, as mulheres que já fizeram uma cesariana podem ter uma "tentativa de trabalho de parto", mas isso dependerá da causa da última cesariana e da forma como a sua gravidez atual está a decorrer. Se houver uma tentativa de trabalho de parto, esta será cuidadosamente monitorizada e qualquer indicação que sugira um começo de rutura resultará numa cesariana, sem mais questões. É normal preparar ae para uma cesariana, caso seja necessária uma de urgência, estando já colocada uma anestesia epidural, o que reduzirá o tempo de espera se a intervenção for necessária. Por último, optar por uma cesariana ou por uma tentativa de trabalho de parto é decisão sua, e o especialista deverá informá-la sobre os riscos e benefícios de cada método. Ler Mais...
Sonhar com cirurgia de parto e com a crianca | Para Pais.