Resultados para: "sinal de bebe encaixado"

Você está a ver gravidez , bebé e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa sinal de bebe encaixado. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, ver parto normal ver tudo, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Encaixe

O encaixe é quando a cabeça do seu bebé começa a descer para a base da pélvis em preparação para o parto e isso pode ocorrer entre as 36 semanas e o início do trabalho de parto. Nas últimas semanas de gravidez, a sua parteira apalpará o seu abdómen para ver se a cabeça já começou a encaixar. O grau de encaixe da cabeça do bebé é medido em quintos. Se se conseguir sentir três ou quatro quintos da cabeça acima do osso púbico, então o bebé não está encaixado. Se se conseguirem sentir só dois quintos da cabeça, então o bebé está completamente encaixado, e se se sentir só um quinto, o bebé está profundamente encaixado. Não encaixado: A cabeça do bebé começou a descer para a pélvis mas podem sentir-se mais de dois quintos da cabeça acima da base da pélvis. Encaixado: O bebé desceu para a pélvis em preparação para o parto e pode notar uma mudança no formato da sua barriga. Ler Mais...

E o medrar?

Por volta do fim do primeiro mês aparecem na cara do bebé umas borbulhas a que as pessoas costumam chamar «o medranço». Medrar significa crescer. E era um sinal de boa sorte um sinal de que o bebé tinha ultrapassado a fase de maior risco de doença grave ou morte. A chegada destas borbulhas era um bom sinal: «Medrou!» Crê-se que são reacções naturais da pele que, depois de estar envolvida no líquido amniótico, quentinho e sem alergéneos, de repente começa a ser bombardeada com todo o tipo de agressões térmicas, químicas, físicas, etc. Nunca pensamos que a pele é um órgão como outro qualquer e que precisa de proteção. Talvez por isso a agridamos tanto, todos os dias... Ler Mais...

Os bebés têm soluços no útero? Tenho a certeza de que os sinto.

Os bebés têm soluços desde o início do terceiro trimestre. Este é um fenómeno normal, em geral de curta duração mas que por vezes ocorre em alturas semelhantes todos os dias. É sentido como uma sensação rápida e espasmódica no seu abdómen. Os soluços não são prejudiciais para o bebé e de facto são um sinal de que o bebé é saudável, da mesma forma que os movimentos do bebé são um sinal positivo. Julga-se que os soluços podem ser causados quando, ocasionalmente, o bebé inspira com força e ingere líquido amniótico que o envolve. A alteração súbita da pressão na cavidade toráxica quando ele engole o líquido pode causar os soluços, como quando bebemos alguma coisa muito depressa. Estas inspirações profundas ajudam a exercitar os músculos respiratórios e estimulam os seus pulmões a produzir surfactante, o qual é essencial para o funcionamento dos pulmões. O bebé não se afoga pois recebe oxigénio através da placenta. Ler Mais...

Assimetrias

Outro aspecto a valorizar, já depois dos dois meses, é o encurtamento da perna do lado afetado, e uma assimetria entre os dois lados (com as ancas fletidas) ao comparar o nível dos joelhos. O joelho do lado afectado ficará num plano abaixo do do lado oposto. Um sinal pesquisado e que os pais vêem é o exame das pregas das coxas, quer com o bebé deitado de costas, quer de bruços. Quando as pregas cutâneas são assimétricas pode ser um sinal de doença luxante, mas muitos bebés, especialmente os mais «gordinhos», podem ter as pregas diferentes. Como sinais de eventual doença luxante da anca pode também haver um achatamento da nádega do lado afetado, com o bebé deitado de bruços. De igual modo, é importante observar a postura da perna em repouso: o lado afectado tem tendência a estar rodado, flectido e em abdução. Há que contar com uma coisa: nos casos em que a doença luxante é bilateral, todos os sinais que têm a ver com assimetrias desaparecem, como é evidente, mas mantém-se a dificuldade na abdução e a positividade da manobra de Ortolani. Ler Mais...

O que é o mecónio?

O mecónio são as secreções dos intestinos do seu bebé. É castanho-escuro ou esverdeado e de textura pegajosa e granular. O mecónio começa a formar-se logo às 12 semanas de gestação e contém células mortas da pele e restos do líquido amniótico que o bebé engole e digere durante a gravidez. Em geral é expelido depois do parto, com as primeiras fezes, mas pode sair na gravidez ou no trabalho de parto, podendo ser um sinal de que o bebé está em sofrimento. Se for visto mecónio antes do parto, o bebé será cuidadosamente monitorizado durante o trabalho de parto e parto. Ler Mais...

Vou insultar o meu companheiro e todas as outras pessoas quando estiver a dar à luz?

Isso pode acontecer e ninguém a irá criticar se o fizer! Dar à luz pode ser muito doloroso e pode sentir-se irritada, com tremuras e até náuseas. Não se preocupe demasiado com o que possa dizer e fazer: lembre-se de que as dores são um sinal de que o trabalho de parto está a progredir e de que o seu bebé nascerá em breve. Ler Mais...
Sinal de bebe encaixado | Para Pais.