Resultados para: "sinais de gravidez primeiros sintomas yahoo"

Você está a ver criança , gravidez e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa sinais de gravidez primeiros sintomas yahoo. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, gemeos escondidos barriga, cesariana inflamada, cesaria inflamada, parto normal visto de frente, ver parto normal ver tudo.

Os primeiros sinais da gravidez

O primeiro sinal mais óbvio de que está grávida é a falta do período. Outros sintomas comuns do início da gravidez são o sentir-se extremamente cansada e inchada, os seios ficam muito mais sensíveis, aumenta a necessidade de urinar e pode sentir um maior ou menor desejo sexual, embora estes sintomas possam ocorrer antes da menstruação. Algumas mulheres também experimentam um pequeno sangramento por altura do tempo do seu período, o que pode ser confundido com um período leve, que ocorre quando o óvulo fertilizado se implanta na parede do útero. Também poderá sentir um sabor metálico na boca, náuseas ou vómitos - descritos como enjoos matinais, embora possam acontecer a qualquer hora do dia. Algumas mulheres não experimentam sintomas nenhuns. Ler Mais...

Ainda não tive nenhuns sintomas de gravidez – quando é previsto eles começarem?

Nem todas as mulheres sentem todos os sintomas da gravidez logo que ficam grávidas e é comum algumas mulheres não sentirem nenhuns. Há muitos factores que influenciam a extensão e a intensidade dos sintomas da gravidez, tais como a sua idade, o seu ambiente de trabalho, o seu estado de saúde, a dieta, gravidezes anteriores, fumar e a forma como o seu corpo reage as hormonas da gravidez. As náuseas e os vómitos estão entre os factores mais comuns referidos pelas mulheres, em geral nos primeiros três meses e começando por volta das seis semanas. Estes tendem a melhorar pelas 12 semanas, mas para algumas mulheres podem continuar durante toda a gravidez. Outro sintoma de início de gravidez é a sensibilidade dos seios causada pela alteração no nível de hormonas que ajudam a preparar os seus seios para amamentar. Os seios podem aumentar e tomar-se mais sensíveis e mais pesados. Estes sintomas iniciais podem acabar a meio da gravidez. A falta de sintomas não indica se a gravidez é mais ou menos saudável - você pode simplesmente ser uma das poucas mulheres de sorte que seguem em frente sem qualquer efeito lateral incomodativo! Ler Mais...

Soutiens de gravidez

As alterações nos seios são um dos primeiros sinais de gravidez, pois a partir de cerca das 3-4 semanas de gestação há um aumento de fluxo de sangue, o que aumenta a sensibilidade. Algumas mulheres notam uma alteração no tamanho dos seios no início da gravidez. Outras podem não notar qualquer alteração até amamentarem. No entanto, será boa ideia pedir conselho numa loja com soutiens de gravidez e pessoal treinado para medir e aconselhar o tamanho de que necessita. Se o seu soutien normal lhe ficar bem, espere até mais tarde, quando será mais provável uma alteração do tamanho da copa. Nos primeiros dias de amamentação pode sentir os seus seios inchados, mas não entre em pânico e peça ao seu companheiro para lhe ir comprar um tamanho maior pois eles assentarão em poucos dias. Ler Mais...

Sinais de cancro na criança

É sempre muito difícil (e arriscado) elencar sinais e sintomas que podem corresponder a tantas outras situações. Não é por se ter falta de apetite que se tem um cancro, ou por doerem os ossos à noite, quando se tem 3 anos de idade. No entanto - e repetindo que são apenas sinais indicativos que não valem isoladamente -, aqui ficam alguns:
  • sintomas gerais prolongados - falta de apetite, falta de forças, emagrecimento, febre prolongada e indefinida;
  • dores ósseas localizadas e articulares prolongadas;
  • massas volumosas no abdómen ou comprimindo os brônquios, por exemplo (no chamado «mediastino», que é a zona onde se situam o coração e os pulmões);
  • sinais neurológicos (paralisias, vómitos repetidos, confusão, alterações da personalidade, perturbações da marcha, convulsões sem febre);
  • gânglios volumosos no pescoço ou disseminados, sobretudo com aumento do volume do baço e do fígado;
  • hemorragias «fáceis».
De qualquer forma, em face de sinais ou sintomas inexplicados, prolongados e suspeitos, a criança deverá sempre ser observada pelo médico-assistente que, se considerar a hipótese, pedirá os exames necessários a um cabal esclarecimento. Ler Mais...

Hepatite A

A hepatite A é uma doença causada por um vírus, pertencente a um grupo de vírus chamado enterovírus, ou seja, vírus que se eliminam predominantemente nas fezes. De facto, o vírus aparece nas fezes desde os primeiros dias da doença até cerca de 15 dias após o início dos sintomas. O período mais infecioso corresponde aos dias imediatamente antes do aparecimento dos sinais e sintomas, ou seja, quando ainda não se suspeita de nada ou quando, pelo menos, os sintomas ainda são muito incaracterísticos. A maior parte dos casos ocorre esporadicamente, passando de pessoa para pessoa. A hepatite A transmite-se fundamentalmente pelas fezes e contaminação oral. Quando aparecem surtos epidémicos, a origem está geralmente na água ou em alimentos contaminados, como pode acontecer em creches e jardins-de-infância. Ao contrário da hepatite B, o vírus da hepatite A permanece no sangue durante muito pouco tempo, pelo que a transmissão através de transfusões praticamente não existe. O mesmo se diz em relação à transmissão sexual. O vírus da hepatite A não se transmite pela saliva, pela urina ou durante o parto. Até há uns anos, quase todas as pessoas, ao entrarem na idade adulta, tinham anticorpos contra o vírus da hepatite A, o que significava que já tinham tido contacto com o vírus embora, na maior parte dos casos, esse contacto não se traduzisse verdadeiramente por doença, ou apenas produzisse alguns sinais e sintomas inespecíficos - que se confundiram com gripes, constipações ou indisposições - é natural que os leitores não se lembrem de alguma vez ter tido hepatite, pelo menos com todos os sinais e sintomas típicos. Ler Mais...

Será doença?

Uma doença do coração exprime-se por sinais e sintomas de mau funcionamento da bomba cardíaca e não exclusivamente por um sopro. Mais: pode ocorrer doença cardíaca (por vezes grave) e até nem haver qualquer sopro. Os pais deverão, assim, estar atentos a outros sinais e sintomas que poderão sugerir a existência de uma doença do coração, tais como: cansaço a comer, suor a comer, cansaço em relação à atividade das crianças da mesma idade, dificuldade em respirar; pneumonias de repetição, sensação de o coração «bater muito» sem ser durante o esforço ou língua arroxeada, entre outros. As crianças com sopro inocente não necessitam de qualquer seguimento especial ou limitações à sua vida normal (incluindo atividades desportivas), ou de realizar, na maioria dos casos quaisquer exames complementares de diagnóstico, a não ser nos primeiros dezoito meses de vida e, ainda assim, por mera precaução pois a larga maioria dos exames vem, felizmente, «negativo». Ler Mais...
Sinais de gravidez primeiros sintomas yahoo | Para Pais.