Resultados para: "quanto tempo ficamos inchada depois de uma cesaria"

Você está a ver criança , bebé e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa quanto tempo ficamos inchada depois de uma cesaria. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, ver parto normal ver tudo, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Quanto tempo dura a depressão pós-parto?

A depressão pós-parto é a doença pós-natal menos grave. Em geral não dura muito tempo - por vezes só umas horas, começando por volta do terceiro dia depois do parto e não durando mais do que o décimo dia. Durante esse tempo, pode sentir-se chorosa e irritável, mas não é necessário nenhum tratamento médico. Embora muitas mulheres ultrapassem a tristeza pós-parto com rapidez, algumas chegam a desenvolver uma depressão pós-natal mais séria. Se achar que se sente em baixo e com vontade de chorar depois da primeira semana, deverá falar com a sua parteira, o seu médico de família ou o seu médico especialista, o mais depressa possível. Ler Mais...

Balanite

Chama-se balanite à inflamação ou infeção da glande, que é a zona que está debaixo do prepúcio (pele da pilinha). Pode ocorrer em qualquer idade. O aspeto é de uma pilinha com a ponta inchada, vermelha, com corrimento que pode ter várias cores: branco, amarelado ou esverdeado, mas que é geralmente espesso. Por vezes há queixa de dor ao fazer xixi. A balanite é muito comum - na idade das fraldas, há fatores que podem aumentar a frequência da infeção, como o ambiente quente, húmido e escuro da região genital, com a proximidade das fezes. A fimose (aperto da pilinha) é outro fator que ajuda. O tratamento da balanite assenta na aplicação de uma pomada com antibiótico durante 4 ou 5 dias, e limpeza (depois de passar a fase de maior inchaço). Em casos de repetição, ou naqueles em que a criança fica com dificuldade a fazer xixi, poderá ser necessária a circuncisão. Ler Mais...

Os primeiros sinais da gravidez

O primeiro sinal mais óbvio de que está grávida é a falta do período. Outros sintomas comuns do início da gravidez são o sentir-se extremamente cansada e inchada, os seios ficam muito mais sensíveis, aumenta a necessidade de urinar e pode sentir um maior ou menor desejo sexual, embora estes sintomas possam ocorrer antes da menstruação. Algumas mulheres também experimentam um pequeno sangramento por altura do tempo do seu período, o que pode ser confundido com um período leve, que ocorre quando o óvulo fertilizado se implanta na parede do útero. Também poderá sentir um sabor metálico na boca, náuseas ou vómitos - descritos como enjoos matinais, embora possam acontecer a qualquer hora do dia. Algumas mulheres não experimentam sintomas nenhuns. Ler Mais...

Quanto tempo posso ficar em casa depois de ter o meu bebé?

Todas as mulheres grávidas podem gozar de 120 a 150 dias de licença de parto, indiferentemente do tempo de serviço contínuo. A notificação à entidade patronal deve ser feita antes da data prevista para o parto. O subsídio de maternidade é pago durante os 120 dias de licença a 100% da remuneração ou 80% se optar por gozar mais 30 dias de licença. Tem de notificar por escrito o seu empregador até 7 dias após o parto. Ler Mais...

O alarmismo é mau conselheiro

As doenças dos nossos filhos, mesmo não sendo clinicamente graves, assumem por vezes para nós proporções de tragédia e levam-nos a correr para as urgências hospitalares. E depois dizem-nos, na maioria dos casos, que não passam de simples viroses. Não se sintam «maus pais» ou «pais falhados». A vossa leitura, perante uma das vossas crias com sinais ou sintomas de doença, é a leitura que qualquer animal faz, de si próprio, quando não se sente bem, ou dos seus descendentes, quando toca a eles. Nas alturas críticas da nossa vida, é o instinto e o «animal que mora dentro de nós» que atua. Ou pelo menos que pretende atuar. Se o «racional» não consegue medir forças com o «emocional», então ficamos prisioneiros dos nossos receios, mais do que do que constatamos. A nossa cria está doente. E as doenças podem ser graves. E as doenças graves matam. Não se morre de saúde, morre-se de doença. É por isso que ficamos assim. Podemos melhorar e começar a ter maior distanciamento e poder de análise, separando bem o que são sinais de gravidade do que é normal e, por outro, do que são sinais de saúde e de que a situação não está a afetar muito a criança. Mas somos pais, e não temos de pedir desculpa a ninguém por isso. No caso do António, acima descrito, estava tudo conservado: brincava, mesmo que com momentos mais calmos; comia, mesmo que menos; dormia, mesmo que com tosse; ria, bocejava e espreguiçava-se, mesmo que exigindo mais colo. Olhar a criança como um todo é fundamental, perante qualquer sintoma ou sinal. O António é o António, não é um mero somatório de pulmões, fígado ou baço. E aquela correria inadequada e impensada para a urgência do hospital, além de cara e desnecessária, acabou por se transformar daí a uns dias, para o António, numa gastroenterite contraída na sala de espera... Ler Mais...

Estou em tentativa de trabalho de parto – durante quanto tempo poderei ficar em trabalho de parto?

Uma tentativa de trabalho de parto é uma coisa que é feita se, por exemplo, uma mulher tiver tido problemas na gravidez ou tiver tido uma cesariana anteriormente. Isso permite à mulher estar em trabalho de parto tempo suficiente para determinar se poderá ser possível um parto vaginal. Poderá ser difícil dizer quanto tempo lhe permitirão estar em trabalho de parto pois o tempo depende do progresso do seu trabalho de parto e da opinião do pessoal médico que estiver a tratar de si. O seu trabalho de parto será cuidadosamente monitorizado com a sua parteira a avaliar o seu progresso com regularidade para verificar se o colo do útero está a dilatar como esperado e se o bebé está a descer pela pélvis. Podem-lhe fazer uma monitorização contínua aos batimentos cardíacos do bebé e terá assistência médica por perto no caso de precisar de uma cesariana. Ler Mais...
Quanto tempo ficamos inchada depois de uma cesaria | Para Pais.