Resultados para: "qual e o nome que se da para crianca em mmanaus"

Você está a ver grávida , bebé e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa qual e o nome que se da para crianca em mmanaus. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, ver parto normal ver tudo, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Bruxismo

«Cheira» a bruxas, não é? O bruxismo é o nome médico do vulgar ranger dos dentes durante o sono (ou em situações de stresse). E o nome vem do grego «brychein» que significa ranger os dentes, eo das bruxas ou de se pensar que as crianças estariam possuídas pelo diabo. Se sim, então uma em cada três crianças entre os 2 e os 5 anos estão-no... Hoje sabe-se queo tem nada a ver com o demo. Pode ter, aliás, a ver com muita coisa: um controlo ainda imperfeito dos movimentos maxilares, o desalinhamento dentário normal da idade, dores de dentes ou dos ouvidos queoo suficientemente fortes para acordar e chorar, parasitas intestinais sem que se entenda muito bem porque aconteceu. A única preocupação é quando é tão tenso que causa lees dentárias, designadamente aplainar dos dentes pelo ranger, e qual fosse uma grossa de serralheiro, alterações da articulação da mandíbula (com problemas de mastigação e desvios da boca quando come). Algumas crianças podem ter dores de cabeça de manhã...os irmãos mais velhos que partilham o mesmo quarto podem queixar-se de queo dormiram nada. O bruxismo, tirando as excepções mais graves em que um dentista deve ser contado, passa por si, embora se possa prolongar até à adolescência. Há quem advogue uso de uma espécie de molde que evita que os dentes entrem em contato uns com outros, mas isso terá de ficar à consideração do médico dentista. Os pais podem ajudar, sobretudo quando há stresse envolvido, mantendo-se calmos e fazendo da hora do adormecer um mo tranquilo. Ler Mais...

Conselho sobre amigdalites

Por vezes as amigdalites repetem-se porque o tratamento antibióticoo é totalmente eficaz. Podem existir micróbios semi-resistentes aos antibióticos normalmente utilizados e, após o tratamento, estes decrescem (melhorando os sintomas) mas nunca chegam a desaparecer por completo. Passados uns dias já recrudesceram novamente e voltam a dar sintomas. Esta situação é, muitas vezes, consequência de tratamentos com antibióticos feitos sem critérios, por tempo inadequado, com doses incorretas e sem uma verdadeira avaliação da necessidade. Se uma criança tiver amigdalites de repetição, é conveniente fazer uma análise ao exsudado («pontos brancos») das amígdalas, antes do antibiótico, para perceber qual o micróbio que por lá anda e qual a sua sensibilidade em relação aos antimicrobianos. Ler Mais...

Andar

«Qual, o animal que tem quatro patas de manhã, duas à tarde e três à noite?, perguntou a Esfinge»... O Enigma da Esfinge resume bem a evolução de um dos parâmetros do desenvolvimento humano - a marcha. Mas ao fazer a pergunta em termos de «qual o animal que», chama-nos a atenção para o fato de este aspecto ser um aspecto fisiológico, ou seja, dependente de factores pessoais e ambientais, e com o seu próprio timing. Qualquer tentativa de acelerar as coisas pode assim ser contraproducente. Ler Mais...

O meu marido tem filhos mais velhos de um casamento anterior. Não quero que eles se sintam postos de lado.

As famílias com enteados são hoje em dia muito comuns, e há muitas mais pessoas a fazerem parte de uma família com enteados, ou a viver com ela ou a visitá-la. Sem dúvida que as crianças seo afetadas pelas mudanças na família e seja qual for a idade dos seus enteados ou as vezes que voos veja, eles seo afetados pela chegada de um novo bebé. Voe o seu companheiro teo de partilhar a responsabilidade de fazer com que a introdução seja o mais suave possível e qualquer preparação e envolvimento antes do parto ajudá-los-á a sentirem-se envolvidos. Esta é uma altura para lhes darem muito carinho e atenção extra e envolvê-los em todos os passos relacionados com o bepara os ajudar a sentirem-se importantes e entusiasmados: uma reunião de família para discutir o nome do bebé é uma boa ideia. Envolvê-los depois da chegada do bebé também pode ser benéfico, mas lembre-se de que eles também podem querer ter o seu espaço. Tente manter a comunicação com eles e lembre-se de que o seu mando pode precisar de passar algum tempo extra com eles. Ler Mais...

Termos Populares

eveloper: Cristiano Perdigão o[email protected]om> * Data: 21-04-2013 / 03h30 * License: Comercial * **************************************************************/ /*Definir termos mais populares atraves da funcao*/ function termos_populares( ){ global $wpdb, $paged, $max_num_pages, $current_date; /*Numero de termos por pagina*/ $post_per_page = 100; $paged = (get_query_var('paged')) ? get_query_var('paged') : 1; $offset = ($paged - 1)*$post_per_page; /* Criar a consulta */ $sql = "SELECT meta_value FROM wp_stt2_meta ORDER BY meta_count DESC LIMIT ".$offset.", ".$post_per_page." "; $sql_result = $wpdb->get_results( $sql, OBJECT); $sql_posts_total = $wpdb->get_var( "SELECT FOUND_ROWS();" ); $max_num_pages = ceil($sql_posts_total / $post_per_page); //Devolve tudo num array return $sql_result; } function get_random_number($min = 12, $max = 25) { return rand($min,$max); } /**************************************************************/ /*Ciclo dos termos populares*/ $termos_pop = termos_populares(); foreach( $termos_pop as $termo ){ $nome = $termo->meta_value; $permalink = get_bloginfo('url').'/search/'.user_trailingslashit(pk_stt2_function_sanitize_search_link($nome)); echo "e=\"font-size:".get_random_number()."px\" href=".$permalink." target='_blank'>".$nome." "; } /*Paginação dos termos*/ function pagination($pages = 11, $range = 15){ /*Numero de termos por pagina*/ $post_per_page = 100; $showitems = ($range * 2)+1; $count_rows = mysql_query("SELECT meta_value FROM wp_stt2_meta"); $pages = mysql_num_rows($count_rows); $max_num_pages = ceil($pages / $post_per_page); $pages = $max_num_pages; global $paged; if(empty($paged)) $paged = 1; if($pages == '') { global $wp_query; $pages = $wp_query->max_num_pages; if(!$pages) { $pages = 1; } } if(1 != $pages) { echo "
enavi\" style=\"margin-bottom:15px;\">"; echo "es\">ong>P&aacute;gina ".$paged." de ".$pages."ong> "; //if($paged > 2 && $paged > $range+1 && $showitems < $pages) echo "ef='".get_pagenum_link(1)."'>&laquo; Primeiro"; //if($paged > 1 && $showitems < $pages) echo "ef='".get_pagenum_link($paged - 1)."'>&lsaquo; &Uacute;ltimo"; for ($i=1; $i <= $pages; $i++) { if (1 != $pages &&( !($i >= $paged+$range+1 || $i <= $paged-$range-1) || $pages <= $showitems )) { echo ($paged == $i)? "ent\">".$i."":"ef='".get_pagenum_link($i)."' class=\"inactive\">".$i.""; } } //if ($paged < $pages && $showitems < $pages) echo "ef=\"".get_pagenum_link($paged + 1)."\">Seguinte &rsaquo;"; // if ($paged < $pages-1 && $paged+$range-1 < $pages && $showitems < $pages) echo "ef='".get_pagenum_link($pages)."'>Anterior &raquo;"; echo "
\n"; } } pagination(); ?> Ler Mais...

Quinta doença

Costumava-se dizer que «sarampo, sarampelo, sete vezes vem ao pêlo». Esta frase ficou do tempo em que as pessoas pensavam que se podia ter sete vezes o sarampo. Depois, com a evolução dos conhecimentos, descobriu-se que sarampo só há um, e que as outras seis doenças que se assemelhavam não eram mais do que a escarlatina, a rubéola, a varicela, a varíola (já desaparecida, felizmente) e ainda duas outras doenças, que se designaram na altura por «quinta» e «sexta». Atualmentese sabe o que as provoca e o que elas são, mas como foram as últimas a ser devidamente esclarecidas, o nome ficou. A 5 a doença é também chamada eritema infecioso, e é uma doença causada por um vírus - o chamado «parvovírus B19». O nome «parvovírus» quer dizer «pequeno vírus». Dentro dos parvovírus este pertence à classe B e é o número 19. O parvovírus humano B19 (porque também há parvovírus que afetam os animais, designadamente os cães), afeta os glóbulos vermelhos e causa uma erupção na pele (exantema) que, geralmente, não tem qualquer gravidade. Qualquer pessoa pode infetar-se com o parvovírus, mas a doença surge mais frequentemente nas crianças a partir dos 3 anos. O vírus passa das pessoas infetadas para as outras, através da saliva, das secreções nasais e dos «perdigotos», ou seja, tal e qual como uma banal constipação. Os sintomas aparecem cerca de uma a duas semanas depois do contágio e, essencialmente, são cansaço e febre ligeira que desaparece rapidamente. Depois destes sintomas (inespecíficos e que na maioria dos casos passam desapercebidos), aparecem as manchas (exantema), geralmente ao nível das bochechas, dando o aspeto tradicionalmente descrito como «cara em bofetada» (nesta altura já sem febre). O exantema pode estender-se ao resto do corpo e muitas vezes vai e vem. Às vezes as manchas ficam mais claras na parte central. Por vezes pode causar comichão. Na maioria dos casos, o diagnóstico é feito pelos sintomas e, sobretudo, pelo aspeto da cara. Existe a possibilidade de fazer a deteção do vírus no sangue, mas é dispensável porque na quase totalidade dos casos não iria adiantar nada em termos práticos. Não existe qualquer tratamento específico, ou seja, deve-se aguardar tranquilamente a evolução. Os raios solares (e a luz em geral), bem como o calor, o exercício, os banhos quentes ou o stresse emocional podem aumentar o exantema e a sua tendência de vaivém. A pessoa infetada é contagiosa desde a semana antes de aparecerem os sintomas até ao início do exantema, ou seja, é muito difícil isolar os infetados porqueo aparentam qualquer doença. Portanto, na fase de «cara em bofetada» a criança já não é contagiosa, podendo frequentar a escola, se estiver bem. A infeção pelo parvovírus humano B19 parece dar imunidade vitalícia e cerca de 50% dos adultos têm anticorpos contra o vírus, o que significa que já tiveram a infeção (provavelmente em crianças). Ler Mais...
Qual e o nome que se da para crianca em mmanaus | Para Pais.