Resultados para: "pode fazer compressa na cesaria"

Você está a ver alimentação , grávida e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa pode fazer compressa na cesaria. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, gemeos escondidos barriga, cesaria inflamada, cesariana inflamada, colo do utero dilatado fotos, bucentinha infantil.

A limpeza dos dentes

Por outro lado, é também fundamental a limpeza correta das gengivas e dos dentes. Quando o bebé começa a dentição, e mesmo antes da erupção dentária, é conveniente limpar bem as gengivas com uma compressa e água morna, para evitar que fiquem com alimentos doces, sobretudo antes dos intervalos de dormir. Ler Mais...

A higiene dos olhos

É fácil um bebé desenvolver uma conjuntivite, dado que o canal lacrimal, que fica no canto nasal do olho e drena as lágrimas e as secreções até ao nariz, é pequeno e entope com frequência. A limpeza dos olhos deve ser feita com soro fisiológico, numa compressa (uma para cada olho) e no sentido nariz-orelha. Embora em muitas maternidades se aconselhe o contrário, os pais verão que não faz sentido estar a «pegar» nas secreções na ponta externa do olhos e empurrá-las, compactando-as, para o sítio onde, precisamente, não deve haver «engarrafamentos*. Talvez por isso tantos bebés tenham conjuntivite. Por outro lado, há bebés que nascem com um aperto fisiológico do canal Lacrimal (dacriostenose) e que, por causa disso, têm conjuntivites frequentes. Se estas forem constantes ou se não melhorarem até cerca dos 9 meses, provavelmente terão que levar o bebé a um oftalmologista, para fazer a dilatação do canal. Ler Mais...

Tratamento do umbigo

O cordão umbilical é cortado logo após o nascimento da criança. A parte que fica agarrada ao umbigo acabará por secar e cair, passados 4 a 10 dias, muitas vezes antes da mãe e o filho saírem da clínica. Se isto não acontecer deve tratar de curá-lo o mais rapidamente possível. Aplique álcool diariamente, cubra com uma compressa de gaze c ponha uma ligadura em volta, que não deverá ficar muito apertada. Nada de receios: a Parteira ou a enfermeira poderão explicar-lhe como se procede. A fralda não deverá nunca chegar à ligadura para que a urina não atinja a ferida. Se, dentro de 12 a 14 dias, o umbigo não estiver curado deve consultar o Pediatra. Ler Mais...

Dores de «burro»

As chamadas «dores de burro» são dores musculares que aparecem na parte lateral do abdómen ou nas pernas, geralmente depois dos 3 anos de idade. Resultam da acumulação de ácido láctico nos músculos, depois de um esforço mal medido e mal preparado, com certo grau de desidratação e carência de magnésio, o que é natural em crianças desta idade. A «dor de burro» passa geralmente com o descanso e a hidratação. Se se mantiver, há que continuar o repouso, com as pernas elevadas. A aplicação de uma compressa quente e massagens na área afetada estimula a circulação muscular e a limpeza do excesso de ácido láctico. Quando as crianças têm esta dor com frequência e com esforços banais, pode ser necessário dar magnésio (por exemplo, através de um aumento do consumo de banana) e hidratá-las sempre muito bem antes do esforço. Ler Mais...

Corpos estranhos com penetração

É uma emergência. Deve-se chamar o 112 e cobrir o olho com uma compressa (se for pequeno) ou uma chávena invertida, se for grande (para nunca o pressionar). É fundamental acalmar a criança.

As lesões provocadas por químicos são também perigosas, e como existem muitos químicos nas casas (e muito concentrados, como é o caso dos detergentes e líquidos para máquinas), pode acontecer facilmente espirrar para os olhos das crianças, seja porque lhes mexem inadvertidamente, seja porque estão junto dos pais, a observá-los, quando estes estão a usá-los.

A atitude deve ser de lavagem imediata, como descrito acima, mas a criança deve depois ser levada a um serviço de urgência. O Centro de Informação Antivenenos deverá também ser contactado, mas sem perder tempo precioso que é necessário para a lavagem.

Ler Mais...

A escovagem dos dentes

A escovagem dos dentes é um dos métodos mais fáceis de prevenção da cárie e a limpeza da boca da criança deve começar o mais cedo possível, como referimos n'O Grande Livro do Bebé. Mesmo quando ainda não nasceram os dentes - ou mesmo tendo nascido alguns ainda há «muita gengiva» livre -, os pais devem passar com o dedo nas gengivas do bebé para que ele se habitue à manipulação da boca e, mais tarde, não estranhe a escova. A altura do banho é ideal para esta primeira abordagem. Enquanto só estão presentes os dentes da frente, a limpeza pode ser realizada com uma compressa molhada em água morna e enrolada no dedo da mãe (ou a ponta de uma fralda de pano). Nesta idade, a altura ideal é depois da última mamada, antes do intervalo noturno. Quando nascem os molares de leite (cerca dos 12-18 meses), deve iniciar-se a escovagem, duas vezes por dia – de manhã após o pequeno-almoço e à noite antes de ir dormir. A escovagem da noite é a mais importante, e depois dela a criança não deve comer nenhum alimento (nem mesmo leite que também contém açúcar), caso contrário ter-se-á que reiniciar o processo e repetir a escovagem. Ler Mais...
Pode fazer compressa na cesaria | Para Pais.