Resultados para: "paracetamol para trabalho de parto"

Você está a ver gravidez , gravidez e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa paracetamol para trabalho de parto. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, ver parto normal ver tudo, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

As aulas de relaxamento e de parto ajudam?

As técnicas de relaxamento e respiração ensinadas nas aulas de parto pré-natais são muito úteis quando utilizadas em conjunto e na altura certa do trabalho de parto. Isso, combinado com o trabalho com o seu companheiro e a sua parteira pode ajudar a tomar a dor mais suportável e assim a experiência do parto mais agradável. Vale a pena fazer notar que as pessoas têm diferentes limiares de dor e as técnicas de relaxamento e respiração só por si podem não ser suficientes para a ajudar a lidar com a dor no trabalho de parto, em especial com o avançar do trabalho de parto. Praticar as técnicas de respiração e relaxamento antes de o trabalho de parto começar aumenta os benefícios, portanto as aulas ajudam. Ler Mais...

Como poderei saber se já estou realmente em trabalho de parto?

O sinal completamente seguro de que está em trabalho de parto é estar com contrações regulares que causam a dilatação e a abertura do colo do útero, e isso só pode ser determinado pela sua parteira ou pelo seu médico durante um exame interno. As contrações do trabalho de parto são em geral dolorosas, ocorrem com muita regularidade e tornam-se cada vez mais fortes e frequentes. Há outros sinais de que o trabalho de parto pode estar a caminho, como o aparecimento ou descarga de muco vaginal, mas estes não são verdadeiros indicadores de que o trabalho de parto está realmente a caminho. Se não tem a certeza se está ou não em trabalho de parto, pode tentar cronometrar as suas contrações desde o início de uma até ao início da seguinte e anotar a frequência com que ocorrem. Se estiver em trabalho de parto, então notará que elas se tornam mais seguidas e aumentam de duração. Se achar que está em trabalho de parto ligue à sua parteira ou ao seu médico. Ler Mais...

Estou em tentativa de trabalho de parto – durante quanto tempo poderei ficar em trabalho de parto?

Uma tentativa de trabalho de parto é uma coisa que é feita se, por exemplo, uma mulher tiver tido problemas na gravidez ou tiver tido uma cesariana anteriormente. Isso permite à mulher estar em trabalho de parto tempo suficiente para determinar se poderá ser possível um parto vaginal. Poderá ser difícil dizer quanto tempo lhe permitirão estar em trabalho de parto pois o tempo depende do progresso do seu trabalho de parto e da opinião do pessoal médico que estiver a tratar de si. O seu trabalho de parto será cuidadosamente monitorizado com a sua parteira a avaliar o seu progresso com regularidade para verificar se o colo do útero está a dilatar como esperado e se o bebé está a descer pela pélvis. Podem-lhe fazer uma monitorização contínua aos batimentos cardíacos do bebé e terá assistência médica por perto no caso de precisar de uma cesariana. Ler Mais...

Quem estará comigo enquanto estiver em trabalho de parto?

No hospital, em geral recomenda-se que só tenha dois acompanhantes de parto, simplesmente porque o espaço na maioria das salas de parto é limitado. Logo que esteja em trabalho de parto confirmado, as recomendações são que seja assistida por uma parteira durante todo o trabalho de parto. Na realidade, embora cada unidade se esforce por oferecer um apoio personalizado, isso pode ser impossível. Se for o caso, a parteira estará consigo tanto quanto puder, mostrar-lhe-á como contactá-la se ela não estiver na sala e estará consigo no parto. Pode ser acertado pedir a uma ou duas pessoas, como o seu companheiro e uma boa amiga, para a apoiarem durante o trabalho de parto. Ler Mais...

Posso dar o meu bebé à luz numa piscina de parto ou são só para o trabalho de parto?

Deverá pedir à sua parteira para descobrir se o hospital que escolheu para dar à luz tem instalações que lhe permitam fazer o parto na água ou se só utiliza a piscina para a maior parte do trabalho de parto. Isto muitas vezes depende de se a piscina é suficientemente grande para dar à luz. Por vezes, pode não haver nenhuma parteira disponível que tenha sido treinada em partos na água, e nesse caso, só poderá ter o trabalho de parto na água e terá de sair para o parto. Ler Mais...

O seu papel como intermediário

Um dos papéis mais importantes de um acompanhante de parto, quer você seja o pai do bebé quer não seja é estar consciente do que está a acontecer durante o trabalho de parto e parto e fazer a ligação com os médicos em vez da mãe, se necessário. Pode haver alturas em que você ou a parturiente não entendam o que se está a passar, e a sua companheira pode estar com demasiadas dores ou demasiado preocupada com o trabalho de parto para perguntar. A sua função é falar com a parteira ou o médico e obter informações sobre o que está a acontecer. Estará assim completamente informado sobre o que está a acontecer no trabalho de parto e será capaz de participar em qualquer decisão que tenha de ser tomada sobre o trabalho de parto ou o parto. Ler Mais...
Paracetamol para trabalho de parto | Para Pais.