Resultados para: "onde fica os rins no corpo"

Você está a ver gravidez , bebé e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa onde fica os rins no corpo. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, ver parto normal ver tudo, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

O meu bebé prematuro tem icterícia- o que será feito para o ajudar?

A icterícia é um dos problemas mais comuns em todos os bebés recém-nascidos e os bebés prematuros correm um risco ainda maior pois têm um fígado imaturo, que ainda não extrai normalmente a bilirrubina do sangue, a substância que causa a pigmentação amarela comum à icterícia. A bilirrubina é produzida quando o corpo tem uma quebra de glóbulos vermelhos. E um pigmento amarelo que, se não for extraído do sangue pelos rins e fígado, se desenvolve e se deposita na pele. Aos bebés que têm icterícia fazem-se análises ao sangue para medir o nível de bilirrubina e o resultado da análise determinará se precisarão de algum tratamento especializado. O tratamento é feito por fototerapia, o qual utiliza raios ultravioleta para eliminar a bilirrubina sob a pele para que os rins do bebé possam expelir em segurança os pigmentos da bílis. Ler Mais...

Não estou muito em forma mas gostaria de começar um regime de exercícios – algum conselho?

Se não está habituada a fazer exercício, então provavelmente o melhor para si e para o seu bebé serão actividades moderadas, como caminhar e nadar, enquanto que iniciar um novo desporto de competição ou um programa de exercícios violentos não seria o ideal. O seu corpo já está a sofrer enormes alterações no coração, pulmões e rins e virtualmente cada órgão do seu corpo está a começar a trabalhar mais intensamente. Além disso, as hormonas da gravidez estão a relaxar os músculos e ligamentos, portanto é mais fácil causar danos nos tecidos, nas costas, ou um maior esforço abdominal, em especial se anteriormente não fazia muito exercício. Os desportos de contacto, os desportos violentos de equipa e actividades como mergulho e ginástica podem ainda causar danos directos no seu abdómen e útero - em especial porque o seu útero cresce para fora da pélvis. Ler Mais...

Escarlatina – Quais são os sintomas?

A criança aparece com febre alta dores de cabeça ou de barriga, dificuldade a engolir, falta de apetite, mal-estar e a língua muito encarnada, quase «escarlate». Depois de umas horas ou escassos dias, a língua fica branca, a febre mantém-se e aparecem pequenas manchas, como pequenos pontos, poupando a zona à volta da boca e do nariz, mais concentradas no sangradouro (braços). Depois a febre desce, e a criança começa a melhorar, porque na quase totalidade dos casos o diagnóstico é feito e a terapêutica instituída. Nos raros casos, actualmente, (frequentes há décadas) em que a doença seguia o seu curso, também curava espontaneamente, apesar de mais dias de enfermidade, Só que ficava o risco do aparecimento de febre reumática, e das lesões do coração ou dos rins. geralmente muitos anos depois da escarlatina. O mesmo se passava, aliás, com amigdalites estreptocócicas não tratadas. Passados alguns dias, a pele começa a descamar, voltando a ter o aspecto inicial. Ler Mais...

A Natação e bebés

Nadar é tão bom... A natação é a capacidade de se deslocar na água, com economia de esforço, o que implica relaxação, por um lado, e domínio da respiração, pelo outro, associado a uma técnica correta de movimentos dos braços e das pernas e a uma optimização do rendimento dos diversos órgãos e sistemas. A natação, visto ser feita num meio aquático, permite também o «regresso» a um ambiente que, em muita coisa, faz relembrar o útero materno. Psicologicamente, para a larga maioria das crianças, é uma boa proposta, como forma de combate ao stresse do dia-a-dia. Por outro lado, a natação ajuda à reflexão, indispensável no processo de tomada de decisões, a organizar o corpo de uma forma integral e harmónica (estando, por exemplo, fortemente recomendada nas crianças com dislexia ou perturbações da gestão do corpo) e a coordenar os movimentos dos vários sectores do corpo. Nadar é bom e é útil, embora não se devam fazer demasiados sacrifícios em termos de tempo, pressas ou ir contra a vontade da criança (quando, por exemplo, tem medo da água). Mas quem experimenta, mesmo não estando muito convencido, fica rapidamente agradado os pais passam uns bons momentos, variam um pouco o seu dia-a-dia e até notam, frequentemente, que as crianças comem melhor e dormem mais repousadamente. Ler Mais...

Gaguez

Há dois tipos de gaguez muito diferentes. Um é o gaguejar contínuo, nas várias palavras, com paragens e quebras na fluência que perturbam a fluidez normal da fala. Estas paragens levam à repetição de sons, sílabas ou palavras, ou prolongamento dos sons de modo a que as palavras parecem-esticadas». De quando em quando, um silêncio que também perturba, e a dificuldade de terminar uma frase que já todos entenderam leva à vontade de a acabar pelo outro - provavelmente uma em cada vinte crianças até aos 5 anos tem um problema de gaguez. Muitas vezes, como defesa, a criança que gagueja já sabe onde vai ter maiores dificuldades, e limita o seu vocabulário às palavras onde se defende melhor. Outra coisa é a criança que começa uma frase e, a meio. hesita, volta atrás e à frente gagueja e parece não saber onde está. A gaguez definida no primeiro paragrafa pode ter uma origem genética - fazendo ■ história familiar encontram-se, frequentemente, casos de pessoas que gaguejar na infância, ou até ainda na idade adulta. Dificuldade em gerir emoções pode ser outra causa, bem como traumas sentido como violentos. No segundo caso, a causa é diferente. O que acontece é a criança começar pensamento, querer expressá-lo, e que a fala (processo mecânico ainda em aprendizagem, nos primeiros anos de vida) e decorrer, já o pensamento (fenómeno elétrico, neuronal), saltou para outra ideia. E criança fica sem saber onde estava e onde vai. tendo a noção de que o assunto que estava a falar e o que lhe vai agora ideia são coisas completamente diferente. Daí a perplexidade. Ler Mais...
Onde fica os rins no corpo | Para Pais.