Resultados para: "onde fica os rim foto"

Você está a ver criança , criança e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa onde fica os rim foto. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, ver parto normal ver tudo, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Gaguez

Há dois tipos de gaguez muito diferentes. Um é o gaguejar contínuo, nas várias palavras, com paragens e quebras na fluência que perturbam a fluidez normal da fala. Estas paragens levam à repetição de sons, sílabas ou palavras, ou prolongamento dos sons de modo a que as palavras parecem-esticadas». De quando em quando, um silêncio que também perturba, e a dificuldade de terminar uma frase que já todos entenderam leva à vontade de a acabar pelo outro - provavelmente uma em cada vinte crianças até aos 5 anos tem um problema de gaguez. Muitas vezes, como defesa, a criança que gagueja já sabe onde vai ter maiores dificuldades, e limita o seu vocabulário às palavras onde se defende melhor. Outra coisa é a criança que começa uma frase e, a meio. hesita, volta atrás e à frente gagueja e parece não saber onde está. A gaguez definida no primeiro paragrafa pode ter uma origem genética - fazendo ■ história familiar encontram-se, frequentemente, casos de pessoas que gaguejar na infância, ou até ainda na idade adulta. Dificuldade em gerir emoções pode ser outra causa, bem como traumas sentido como violentos. No segundo caso, a causa é diferente. O que acontece é a criança começar pensamento, querer expressá-lo, e que a fala (processo mecânico ainda em aprendizagem, nos primeiros anos de vida) e decorrer, já o pensamento (fenómeno elétrico, neuronal), saltou para outra ideia. E criança fica sem saber onde estava e onde vai. tendo a noção de que o assunto que estava a falar e o que lhe vai agora ideia são coisas completamente diferente. Daí a perplexidade. Ler Mais...

Conselho sobre asma

Os tratamentos das crises são essenciais, porque muitas vezes a criança fica aflita e não consegue respirar convenientemente. No entanto, deve evitar-se o pânico porque só vai acrescer o elemento psicológico da asma. A utilização de «bombas», ou seja, de medicamentos libertados em aerossóis e métodos semelhantes, de aplicação nasal ou bucal, começa a ser uma das hipóteses preferidas, pois atuam no local onde existe a inflamação e a hiper-reactividade brônquica, sem ser necessário entrarem em circulação (têm por isso menos efeitos secundários). Ler Mais...

O bebé e a música

Há quem chame à música a «arte perfeita». Desde há muitos anos que se sabe que os bebés gostam de música aliás, como a esmagadora maioria das pessoas. Mas digamos que os bebés têm um «sexto» sentido para a música, para a entenderem como elemento estruturante da informação, do conhecimento, do saber, mas também dos facetos, das relações, do saber fruir e contemplar o tempo e os momentos. Só é estimulado para ouvir e tocar música o bebé que tenha pais ou um infantário que lhe façam ouvir música. E, verdade seja dita, neste campo não deve haver arrogâncias intelectuais cada um deverá fazer chegar ao bebé a música que entender mais conveniente. Uma casa onde se ouve música é uma casa onde o tempo tem uma gestão diferente, onde há mais hipóteses de tranquilidade, onde os ritmos são mais «à escala humana». Onde a televisão está provavelmente fechada por períodos mais longos. Ler Mais...

Refeições que nunca mais acabam

Aqui fica uma estratégia para acabar com as birras à mesa: • Ir com os pais ao supermercado, e ajudar escolher os legumes e frutos; • Chegar a casa, ajudar a trazê-los para cima na caixa do supermercado, ao embalarem-nos, punham-nos em sacos leves, para a criança poder carregá-los; • Ser a ajudante da mãe e do pai a guardar as coisas, e a aprender quais os que precisam de ir para o frigorífico, e onde é que eles se guardam, e porquê; • Ver preparar os legumes e aprender como se confecionam e, designadamente porque se juntam coisas como sal, azeite, vinagre; • Ia buscar as caixas de plástico para guardar a sopa e escolher os frutos para pôr na fruteira que vai para a mesa. Da mesma forma que nos sabe muito melhor qualquer coisa feita por nós mesmo sabendo que há produtos comprados feitos que são melhores Ler Mais...

A Cabeça

Na cabeça avaliam-se os ossos e a fontanela, uma zona que causa sempre alguma impressão aos pais, mas que «não se parte». A fontanela anterior é o espaço que fica entre os ossos frontal e parietais (podendo existir uma fontanela posterior entre os parietais e o occipital) e o facto de os ossos terem esse espaço entre eles permite à cabeça crescer, em virtude do crescimento do cérebro. Muitas vezes a fontanela pulsa e isso é normal. A fontanela é um bom local de observação de doenças, como por exemplo a desidratação (fica deprimida) ou a meningite (fica saliente e tensa). Na cabeça, e resultantes do parto, especialmente quando é demorado e traumático (por exemplo no uso de ventosa), podem ver-se Céfalo-hematomas, que são zonas salientes, moles, e que correspondem a bolsas de sangue, ou o chamado caput sucedâneo, que é uma zona de inchaço, mais ampla, de edema (líquidos, pelo efeito de sucção e de vácuo durante o parto). Podem também existir, sem significado patológico, cavalgamentos dos vários ossos da cabeça. Por vezes, o formato da cabeça é assimétrico, pois é muito influenciado pela posição em que esteve in útero, ou se esteve encostado, por exemplo, a um osso da mãe.

Ler Mais...

Pitiríase

A pitiríase versicolor é uma infeção causada por um fungo, que dá à pele uma descoloração branca ou acinzentada. Nota-se mais depois do Verão, dado que a restante pele fica bronzeada, sobressaindo mais as zonas afetadas, em manchas por vezes grandes. Não costuma dar sintomas como comichão ou dor, e o diagnóstico é pelo aspeto das manchas. Deve aplicar-se um antifúngico e um preparado como um champô anticaspa, com selénio, durante 3 a 4 noites. Como a pele fica descolorada, o aspeto mantém-se mesmo depois do tratamento, podendo ficar assim durante alguns meses ou mesmo anos, «piorando» no Verão, pelas razões acima referidas, e quase desaparecendo no Inverno. Ler Mais...
Onde fica os rim foto | Para Pais.