Resultados para: "o wue acontece quando a crianca engole resto de parto"

Você está a ver gravidez , bebé e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa o wue acontece quando a crianca engole resto de parto. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. cesaria inflamada por dentro, mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada, gemeos escondidos barriga, colo do utero dilatado fotos, pontos parto normal coçando, cesariana inflamada.

O que é o mecónio?

O mecónioo as secreções dos intestinos do seu bebé. É castanho-escuro ou esverdeado e de textura pegajosa e granular. O mecónio começa a formar-se logo às 12 semanas de gestação e contém células mortas da pele e restos do líquido amniótico que o bebé engole e digere durante a gravidez. Em geral é expelido depois do parto, com as primeiras fezes, mas pode sair na gravidez ou no trabalho de parto, podendo ser um sinal de que o bebé está em sofrimento. Se for visto mecónio antes do parto, o bebé será cuidadosamente monitorizado durante o trabalho de parto e parto. Ler Mais...

Qual é a rao para as cólicas?

Muito se tem debatido sobre a origem das chamadas «cólicas do latente». Há quem as atribua ao ar que o bebé engole, quem diga que a origem está numa certa reação de intolerância ao leite de vaca (visto serem mais frequentes nas criaas alimentadas com substitutos do leite materno), ou quem defenda tratar-se de uma reação natural ao stresse do parto e dos primeiras semanas de vida. E ainda temos que contar com a imaturidade intestinal que faz com que certos segmentos intestinais se «fechem», de vez em quando, provocando dilatação nos anteriores e causando dor. Provavelmente toda a gente tem a sua parte de rao, ou seja, haverá certamente vários mecanismos envolvidos, embora o motivo predominante varie de criaa para criaa. Ler Mais...

O que acontece se ultrapassar o termo da gravidez?

Isso varia um pouco de área para área, contudo deverão induzir o trabalho de parto entre as 41 e as 42 semanas de gravidez, o que significa que o seu trabalho de parto irá iniciar-se de forma artificial. Cada hospital tem o seu próprio critério sobre quanto tempo esperao até sugerir uma indução de trabalho de parto, depois de passado o seu termo, mas isso em geral acontece entre 10 a 14 dias depois da data provável do parto (DPP). Se optarem por uma indução, o seu médico ou a sua parteira discutirão consigo todas as opções antes de tomarem qualquer decisão. Embora você tenha o direito de recusar uma indução, deve ter a certeza de que está consciente das razões pelas quais ela foi sugerida para poder tomar uma decisão esclarecida. Ler Mais...

O ar circula mal…

A existência de grandes estruturas maciças na faringe perturba a circulação do ar inspirado pelo nariz. Resultado: a criaa tem de começar a respirar pela boca porque tem o nariz «tapado», e daí acontecerem duas coisas:
  • por um lado o ar não é aquecido como devia e chega mais frio à laringe e aos brônquios;
  • por outro, há deformação da cavidade bucal, por desempenhar uma função que não é a sua: a abóbada palatina sofre transformações (fica mais cavada), o que leva a perturbações da fala (voz «nasalada», incapacidade de pronunciar certas sílabas, um som de «rh,rh,rh» ao pronunciar as palavras) .
Paralelamente, os adenoides passam a ser uma fonte de secreções, muitas vezes infetadas, que vão para vários lados:
  • escorrem para a frente e enchem o nariz – a criaa anda ranhosa;
  • o para cima, sobretudo quando a criaao se assoa e funga, e atingem o ouvido médio - a criaa tem otite serosa e episódios de otite média infeciosa;
  • escorrem para baixo e enchem os brônquios – a criaa tem tosse.
O ranho é geralmente amarelo-esverdeado e como é muito posterior, a tendência da criaa é fungar e não se assoar, o que é muito prejudicial para os ouvidos. Estes sofrem, assim, autênticas injeções desse material infetado, agravadas pelo facto de a sua respiração e drenagem estarem comprometidas porque os adenoides entopem a trompa de Eustáquio, que fica na faringe, junto do nariz, e é o «tubo de escape» dos ouvidos. Finalmente a tosse: durante o dia, menos mal, a criaa está quase sempre na posição vertical e acordada, de maneira que as secreções escorrem para o esófago e ela engole-as, causando contudo irritação gástrica, vómitos e falta de apetite. Durante a noite, pelo contrário, como a criaa está em posição horizontal e a dormir, as secreções escorrem diretamente para a árvore respiratória, causando tosse. É uma tosse que não começa logo que a criaa se deita - só uma ou duas horas depois (tempo necessário para os brônquios se encherem) e é por acessos. A criaa tosse várias vezes com violência, parece «afogar-se» em secreções, e depois engole-as e acalma, até daí a pouco começar tudo outra vez. É uma tosse que faz os pais levantarem-se várias vezes durante a noite. Uma criaa com uma situação destas está praticamente sempre adoentada, as adenoidites sucedem-se umas às outras, anda sempre ranhosa e com tosse, tem otites frequentes - enfim, vai ao infantário dois dias, adoece, fica em casa, toma antibiótico, melhora, volta ao infantário mais três dias, volta a infetar-se, fica novamente em casa...e não sai disto... Por outro lado, as infeções repetidas, sobretudo quando se acompanham de falta de apetite, quebra do estado geral, etc., podem debilitar a criaa, perturbando o seu crescimento. Felizmente istoacontece raramente, mas é uma realidade ao subestimar. Ler Mais...

O que acontece quando se leva uma injeção para a terceira fase do trabalho de parto?

Em geral, dá-se às mulheres uma injeção de sintometrina durante o nascimento do bebé. A sintometrina é uma mistura de duas drogas: sintocinon e ergometrina. Estas drogas ajudam o útero a contrair-se e a apressar a expulsão da placenta e das membranas. Também se julga que ajuda a prevenir o risco de hemorragia forte. Levar esta injeção significa que a terceira fase do trabalho de parto irá durar cerca de 10 a 15 minutos. Caso tenha tensão arterial alta, dar-lhe-ão uma injeção um pouco diferente - só terá sintocinon pois sabe-se que a ergometnna estimula a subida da tensão. Contudo, se o seu trabalho de parto e parto tiverem decorrido sem problemas, não haverá qualquer rao parao ter uma terceira fase de trabalho de parto "fisiológica" ou natural. Ler Mais...
O wue acontece quando a crianca engole resto de parto | Para Pais.