Resultados para: "mulher com utero pra fora bizarro"

Você está a ver gravidez , bebé e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa mulher com utero pra fora bizarro. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, ver parto normal ver tudo, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Dilatação

Nas fases iniciais do trabalho de parto, o colo do útero começa a amaciar, e depois começa a dilatar para que o bebé possa passar através dele e sair pela vagina. A cabeça do bebé não pode passar pelo colo do útero até ele estar completamente dilatado. O tempo que isso demora varia: algumas mulheres já têm alguns centímetros de dilatação no início do trabalho de parto, enquanto outras levam várias horas a atingir essa fase. 2 CM de dilatação: Na primeira fase, o colo do útero começa a amaciar e a abrir gradualmente. 6 CM DE DILATAÇÃO: O colo do útero está a cerca de metade da dilatação e agora as contrações são mais fortes. 10 CM DE DILATAÇÃO: O colo do útero alargou o suficiente para o útero poder empurrar o bebé para fora. Ler Mais...

Mãe de aluguer

Uma mãe de aluguer é uma mulher que chega a um acordo com outra mulher para gerar um filho para ela. Ela pode conceber o bebe com o esperma do companheiro da outra mulher ou o casal infértil pode fertilizar o seu próprio ovo através de um tratamento de fertilidade, sendo depois o embrião transferido para o útero da mãe de aluguer para ela transportar o bebé durante a gravidez e dar a luz. Este processo pode ser cheio de problemas: emoções conflituosas tanto da mãe de aluguer como do casal receptor, ou processos legais se, por exemplo, a mãe de aluguer mudar de opinião depois do parto e quiser conservar o bebé. Por esta razão, e importante que todas as partes que entram neste acordo tenham considerado audaciosamente as implicações e estejam confiantes e felizes com essas regras. Ler Mais...

A minha companheira teve um aborto. Tenho-a apoiado mas também estou muito triste. O que devo fazer?

Lidar com um aborto é muito difícil tanto para a mulher como para o homem, mas muitas vezes é dada à mulher muita mais atenção e os sentimentos do homem são simplesmente ignorados. Contudo, é importante que não interiorize a sua perda e reconheça os seus sentimentos, que podem variar desde sentir-se assustado, desapontado e fora de controlo, a culpar-se por não ter apoiado o suficiente a sua companheira e à dor da perda da sua identidade como pai. Embora queira apoiar a sua companheira, também precisa de reconhecer a sua própria necessidade de ser consolado, pois enfrentar as suas emoções pode ajudá-lo a acertar a sua perda mais rapidamente. Uma boa rede de apoio é importante para ambos e pode ajudá-los a encontrar um bom ouvinte fora dos vossos relacionamentos. De início, pode achar mais fácil discutir os seus sentimentos com outro homem do que com a sua companheira. Também pode falar com o seu médico, parteira ou um especialista. Ler Mais...

O que é que a FIV envolve?

A FIV ou Fertilização in vitro envolve a remoção cirúrgica de um óvulo que é posto em contacto com espermatozóides numa cultura de laboratório para fertilizar e produzir um embrião fora do útero. O tratamento ocorre por fases que devem ser completadas para haver sucesso. Inicialmente é utilizado um medicamento em forma de spray nasal ou injecção para interromper o ciclo natural da produção de ovos no ovário, conhecido como “downregulation”. Dão-se então medicamentos indutores da ovulação. Os óvulos são recolhidos dos ovários com uma agulha fina com controlo ecográfico. O processo é em geral mais desconfortável do que doloroso. O esperma do homem e recolhido e posto em contacto com os óvulos. Em poucos dias um ou as vezes dois embriões são transferidos para o útero. Se um dos embriões se implantar com sucesso nas paredes do útero e continuar a crescer, a gravidez resultou. Ler Mais...

Tem de se beber litros de água antes de uma ecografia? Tenho receio de não aguentar.

Para a ecografia de data das 10-14 semanas, é importante ter a bexiga cheia para tornar possível a visão do bebé. Isto porque até às 12 semanas o útero mantém-se na pélvis e o intestino obscurece a visão. Uma bexiga cheia eleva o útero e empurra o intestino para fora do caminho. Vai precisar da bexiga cheia para a ecografia da translucência da nuca entre as 11 e 14 semanas, dependendo de quando for feita. Algumas unidades fazem ecografias transvaginais (uma pequena sonda de ultra-sons dentro da sua vagina) antes das 10 semanas, se a ecografia abdominal for fraca. Nesse caso, não precisará da bexiga cheia e as pesquisas indicam que as ecografias transvaginais são mais confortáveis no início da gravidez em comparação com as ecografias abctominais Não precisa da bexiga cheia para a ecografia das 18-20 semanas pois a posição do útero já se alterou. Ler Mais...

Indução da Ovulação (IO)

Começa-se por tentar a indução com citrato de clorrifeno (comprimidos). Se este tratamento não se revelou eficaz recorre se a injecções de hormonas gonadotrofinas para estimular os ovários. Isto é seguido por inseminação intra-uterina (IIU) em que os espermatozóides são colocados artificialmente dentro do útero por via dum cateter. É ideal para casais em que o esperma do homem é "lento" ou a mulher tem problemas de ovulação, ou existem ambas as coisas. Ler Mais...
Mulher com utero pra fora bizarro | Para Pais.