Resultados para: "meu filho esta com bolhas na palma da mao"

Você está a ver bebé , gravidez e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa meu filho esta com bolhas na palma da mao. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, ver parto normal ver tudo, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Doença da boca-mão-pé

A doença boca-mão-pé ocorre sobretudo cerca dos 4-5 anos, e pode ser causada por uma grande variedade de vírus, mais frequentemente um que se chama coxsackie. A doença não costuma ser grave e as crianças recuperam numa semana. Os sintomas começam por febre ligeira, perda de apetite e mal-estar geral. Segue-se o aparecimento de aftas dolorosas na boca, sobretudo na parte interior das bochechas e gengivas, e manchas nas palmas das mãos e plantas dos pés, que depois evoluem para nódulos e bolhas. A doença é contagiosa através das secreções nasais, saliva e líquido das bolhas, durante pelo menos uma semana depois do início da doença. Perante estes sintomas a criança deverá ser observada pelo médico-assistente. O risco maior consiste na desidratação provocada pela não ingestão de líquidos em quantidade suficiente, atendendo à dificuldade em engolir e à falta de apetite. A alimentação deve ser baseada em líquidos e pastosos, frios e de sabor neutro (gelados, por exemplo). Não há tratamento específico, mas é preciso dar todos os medicamentos necessários para o conforto da criança, e os pais não se devem surpreender se ela emagrecer – passada a doença, o apetite virá, e em força. É conveniente evitar o contacto com mulheres grávidas. Ler Mais...

Reflexos dos recém-nascidos

Os bebés têm vários reflexos presentes no momento do parto e que lhes conferem capacidades de sobrevivência. Reflexo de Moro. Se deitar o bebé de costas e lhe elevar as pernas ele abre os braços em cruz e depois fecha-os num abraço. Reflexo busca. Se tocar na bochecha do bebé ele vira a cabeça à procura de alimento. Reflexo de agarrar. Se puser um dedo na palma da mão do bebé ele agarrá-lo-á fortemente com os seus dedos. Reflexo de caminhar. Se segurar o seu bebé de pé numa superfície, ele fará os movimentos de andar. Ler Mais...

Verrugas

Uma verruga é um pequeno alto, duro, na pele, com uma superfície rugosa (como uma couve-flor), de cor branca, rosada ou acastanhada. Dentro da verruga aparecem pequenos pontos que parecem pontos negros. As verrugas podem aparecer em qualquer parte do corpo, mas muito especialmente nos dedos, palma das mãos ou planta dos pés. São geralmente indolores, mas as que se situam nos pés podem causar desconforto ao andar. Mais raramente, uma verruga pode dar comichão, infecta ou sangrar. O vírus que causa as verrugas é da família dos papilomavírus (onde se insere o vírus que causa a infeção que degenera em cancro do colo do útero). O vírus pode ser transmitido de pessoa para pessoa, sobretudo se houver uma ferida ou arranhão. Há crianças que, no entanto, têm verrugas em dadas fases da vida, provavelmente associadas a stresse, baixas da imunidade temporárias ou após doenças debilitantes. Existem preparados para reduzir as verrugas e para matar o vírus. Se necessário, o dermatologista pode queimar as verrugas com laser ou através do frio (óxido nítrico). Ler Mais...

Quando se dorme mal

Dormir mal, em quantidade ou qualidade, transtorna a família toda. Não dormem as crianças e não dormem os pais. mas a recuperação para estes é pior porque não podem, como os filhos, aproveitar os minutos passados no carro ou na creche, não têm sestas nem intervalos para fechar os olhos e repousar. Se conseguirem arranjar alguém que fique um fim-de-semana com o vosso filho, nestas alturas de crise, há que ter alguns cuidados, para atingirem o objectivo que é dormirem e estarem os dois bem-dispostos, além de incentivarem a vossa relação. É recomendável que tenham total confiança na pessoa que fica com o filho, de modo a não estarem constantemente a pensar o que é que lhe está a acontecer e o que está a fazer. A ideia é «esquecê-lo» durante esse tempo. Por outro lado. não deve haver lugar para culpabilizações, estilo «estamos nós aqui a descansar e ele com os avós». Não só é injustificado como, para ser assim, mais vale esquecerem a ideia. Finalmente, o ideal é ficarem na vossa casa. Ir para outro lado, como um hotel ou turismo de habitação, é não deixar que o «vosso animal» descanse, dado que num ambiente estranho estarão sempre com níveis de alerta elevados. Fiquem em casa, mas sem estar permanentemente a olhar para o quarto do filho... Ler Mais...

A gravidade das queimaduras

As queimaduras podem dividir-se em três tipos, conforme a lesão que causam - a resposta terapêutica difere muito de umas para outras:
  • primeiro grau - causadas habitualmente por um contacto breve com o calor (ou mais prolongado, mas com fontes de calor mais vagas, como o sol), causam vermelhidão, dor e um pouco de inchaço no local;
  • segundo grau - mais graves, resultam em bolhas (flitenas) e grande vermelhidão, com dor intensa;
  • terceiro grau - profundas, com lesão e destruição dos tecidos, podendo não causar dor porque os nervos sensitivos ficam queimados (a queimadura por eletricidade pode causar lesão interna sem nenhuma alteração à superfície).
As queimaduras podem pôr em causa a vida ou deixar sequelas físicas e psicológicas que, frequentemente, exigem múltiplas intervenções cirúrgicas e internamentos. A taxa de hospitalização é, aliás, muito elevada e as queimaduras são o grupo de lesões acidentais que maior duração de internamento têm, para além de um enorme sofrimento. À ação do calor junta-se, frequentemente, a libertação de gases e de fumos que podem causar intoxicações e lesões gravíssimas da árvore respiratória - muitas das vítimas de incêndios morrem devido a problemas respiratórios e não pelo fogo em si. Ler Mais...

Aleitação

A trabalhadora lactante tem direito a ser dispensada em cada dia de trabalho por 2 períodos distintos de duração máxima de 1 h cada, durante o tempo que durar a amamentação. Para beneficiar desta dispensa deverá comunicar por escrito à entidade patronal com antecedência de 10 dias. Após o 1° ano de vida do filho terá de apresentar atestado médico em como se encontra ainda a amamentar. No caso de aleitação a biberão, a mãe ou o pai, ou ambos por decisão conjunta, têm o direito â dispensa até o filho fazer 1 ano. No caso de gémeos estas dispensas são acrescidas de mais 30 minutos por cada gémeo além do primeiro. Ler Mais...
Meu filho esta com bolhas na palma da mao | Para Pais.