Resultados para: "mancha vermelha no solado do pe"

Você está a ver criança , gravidez e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa mancha vermelha no solado do pe. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, ver parto normal ver tudo, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

O meu bebé tem uma grande mancha de morango vermelha, na cabeça. Ficará lá para sempre?

As marcas de nascimento são bastante comuns e a maior parte desaparece durante os primeiros anos. As manchas de morango de nascença começam como uma pinta vermelha e têm tendência a crescer em tamanho durante um ano, mas em geral desaparecem por volta dos cinco anos. Outras marcas incluem manchas rosadas na pele, chamadas manchas de cegonha, e manchas mongólicas azuis, que são manchas na pele com um tom azulado que aparecem em bebés de descendência africana, das Caraíbas ou asiática. Em geral aparecem no fundo das costas mas podem-se estender às nádegas e devem-se à concentração de células de pigmentação na pele; muitas vezes desaparecem por volta dos três ou quatro anos. As manchas vinho do Porto são manchas vermelhas e maiores que em geral aparecem na face e no pescoço. Estas manchas de nascimento são permanentes, e assim poderá querer falar com um especialista de pele sobre se há tratamento para as reduzir. Ler Mais...

A carne vermelha alimenta mais que a branca?

A diferença entre as carnes e vísceras vermelhas, em relação às brancas, é o seu maior conteúdo de ferro. Todas as carnes têm quantidades variáveis, mas sempre importantes, deste mineral. Ainda por cima, o ferro dos produtos animais é melhor absorvido e utilizado do que o ferro de origem vegetal. Em relação às proteínas, vitaminas e minerais, não existem grandes diferenças entre a carne vermelha e a carne branca. 0 seu conteúdo em gordura saturada e colesterol é muito semelhante. A principal diferença no valor nutritivo destes alimentos refere-se, pois, ao conteúdo em ferro, pelo que não existe justificação para afirmar que as carnes vermelhas são melhores do que as brancas. O fundamental é que sejam carnes de confiança, no que toca à higiene, doenças, produtos adicionados nas rações ou administrados aos animais. Ler Mais...

Como é feita?

A ecografia transmite ondas de som de alta frequência através do útero que e ecoam no bebé. Os seus ecos são convertidos em imagem. Os ecos maiores referem-se aos tecidos mais densos como os ossos que aparecem na imagem do ecrã a branco, enquanto que os tecidos moles são uma mancha cinzenta. Os espaços cheios de liquido como o estômago, a bexiga, os vasos sanguíneos e o líquido amniótico que envolve o bebé não devolvem as ondas de som e assim aparecem a preto. É a diferença entre ecos e cores que possibilita a interpretação das imagens. Ler Mais...

Impétigo

O impétigo é uma infeção da pele, generalizada, provocada por bactérias (estafilococo ou estreptococo), em que aparecem furúnculos repetidos. É típico da criança entre os 2 e os 5 anos. Não é uma doença grave, mas dá comichão e as lesões de coceira podem torná-la crónica, com cicatrizes na pele. Geralmente começa por uma mancha, depois pápula, bolha e esta esfarela, começando a surgir outras. Dentro da bolha está pus. As pernas e a cara são as partes mais atingidas. Há um aumento dos gânglios locais. O impétigo é muito contagioso, na própria criança, mas também para outras. O tratamento assenta em desinfeção local, pomadas com antibióticos e, frequentemente, antibiótico que cubra as duas bactérias mais prováveis. Se não passar com as medidas supra, há que fazer uma análise bacteriológica para determinar qual a bactéria presente e que tipo de resistências antibióticas tem. Ler Mais...

Algumas questões práticas

- Não é preciso colocar sempre creme quando muda a fralda. Tal como foi referido, só é necessário se o bebé estiver assado, se for uma das alturas do dia em que o faz ou se tiver feito cocó. O pó de talco, tão utilizado antigamente, não é conveniente. O pó, com o xixi e a ação da fralda, pode fazer uma mistura que assa a pele do bebé. - Um bebé saudável faz o xixi que deve, mas deverá desconfiar se passarem mais de 3 mudas de fraldas (3 refeições) e não tiver molhado nenhuma. - Quando detetar manchas avermelhadas na fralda do bebé, deve ter antes de mais, calma. Na larga maioria dos casos trata-se de uma de duas coisas: uns cristais de urato que existem na urina do bebé e que dão um tom avermelhado, ou uma reação de certas polpas de fraldas com algumas urinas. Fica uma mancha vermelha-alaranjada na fralda, diferente do vermelho-vivo do sangue. No entanto, se desconfiar que algo está mal, contacte o médico assistente. - Se passar muito tempo entre duas mudas, ou se estiver calor, forma-se mais amoníaco e o cheiro das fraldes de xixi do bebé pode ser mesmo mau... Como sempre, veja se o bebé tem algum sintoma, ou se é apenas essa a questão. - O ambiente dentro da fralda - quente, escuro e húmido - ó muito propício ao desenvolvimento de fungos e de outros microrganismos, tanto mais se o bebé tiver feito coco. Se deixar muito tempo a fralda por mudar, o mais provável é que o bebé venha a desenvolver uma assadura. peg">peg" alt="DSC_0154" width="300" height="200" class="alignnone size-medium wp-image-110" /> - Não há grandes diferenças entre as fraldas para rapaz e para menina. As «fraldas para rapariga» têm mais polpa absorvente entre as pernas, enquanto «para rapazes» têm mais à frente, pensando no local onde o jato urinário se dirige. Mas na prática, a polpa é tão absorvente que apanha todo o xixi. - Acontece frequentemente nas primeiras semanas de vida, as fezes terem diferentes cores e texturas. Depois do mecónio, que é espesso e negro, o que é normal é tornarem-se mais amarelas e, quando um bebé é amamentado, por exemplo, as fezes -molham- a fralda e deixam no meio umas tampas ou grânulos amarelados; a cor amarela ou verde tem a ver corri o tempo de permanência das fezes dentro do intestino e na transformação de um produto, que ô a bilirrubina (amarelo, que dá a cor à icterícia) noutro pro duto chamado biliverdina (que evidentemente, é de cor verde); os bebés que fazem muitas vezes ao dia têm as fezes mais amareladas, os que fazem uma vez têm geralmente as fezes esverdeadas; passado algum tempo, sobre tudo quando o bebé começa a comer legumes e frutos, as fezes ficam mais acastanhadas; por vezes pode haver muco ou bolhas nas fezes, sem que isso signifique algo de especial; as fezes dos bebés amamentados são tendencialmente mais líquidas do que as dos bebés alimentados a biberão, mas cada caso é um caso. Ler Mais...

Balanite

Chama-se balanite à inflamação ou infeção da glande, que é a zona que está debaixo do prepúcio (pele da pilinha). Pode ocorrer em qualquer idade. O aspeto é de uma pilinha com a ponta inchada, vermelha, com corrimento que pode ter várias cores: branco, amarelado ou esverdeado, mas que é geralmente espesso. Por vezes há queixa de dor ao fazer xixi. A balanite é muito comum - na idade das fraldas, há fatores que podem aumentar a frequência da infeção, como o ambiente quente, húmido e escuro da região genital, com a proximidade das fezes. A fimose (aperto da pilinha) é outro fator que ajuda. O tratamento da balanite assenta na aplicação de uma pomada com antibiótico durante 4 ou 5 dias, e limpeza (depois de passar a fase de maior inchaço). Em casos de repetição, ou naqueles em que a criança fica com dificuldade a fazer xixi, poderá ser necessária a circuncisão. Ler Mais...
Mancha vermelha no solado do pe | Para Pais.