Resultados para: "infeccao de urina com 40 semanas"

Você está a ver grávida , bebé e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa infeccao de urina com 40 semanas. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, ver parto normal ver tudo, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Porque é que tenho sempre de fazer uma análise à urina quando vou à clínica?

O médico procura a presença de proteínas na sua urina. Se detectar uma proteína, isso pode indicar uma infecção urinária que pode necessitar de ser tratada com antibióticos. Depois de cerca das 24 semanas de gravidez, proteínas na urina são uma indicação de pré-eclampsia, uma doença potencialmente séria que precisa de uma monitorização apertada. Se você tiver um índice de massa corporal (IMC) acima de 35, ser-lhe-á feito um teste de tolerância à glucose, que também é feito através do teste da urina. Glucose na urina é sinal de diabetes gestacional. Se a glucose estiver presente, terá de fazer análises ao sangue para verificar os seus níveis de açúcar. Se se diagnosticarem diabetes, receberá cuidados e aconselhamento de acordo com isso. Ler Mais...

Quais são os sintomas?

Há vários graus de pré-eclampsia, desde uma pequena subida da sua tensão arterial para o fim da gravidez e um pequeno aumento de proteína detectado na sua urina (o que afecta cerca de 1 em cada 10 mulheres grávidas), até uma grande subida da tensão arterial e uma grande quantidade de proteína encontrada na urina (afectando 1 em cada 50 mulheres grávidas). A sua tensão arterial e a sua urina serão analisadas (e será medido o tamanho do bebé) nas consultas pré-natais para procurar sinais de pré-eclampsia e deverá contactar a sua parteira ou o seu médico de imediato se experimentar qualquer destes sintomas. Ler Mais...

E os chamados «sapinhos»?

Muitas bebés, especialmente nos primeiros meses de vida, têm «sapinhos», ou seja, uma infecção por fungos. Como os bebés produzem pouca saliva nos primeiros dois a três meses de vida, o ambiente da boca fica mais propício à infecção por este fungo, muitas vezes também na sequência de uma tetina ou chupeta mal esterilizada. Como a infecção se propaga a todo o tubo digestivo, a região anal pode aparecer avermelhada. Os «sapinhos» tratam-se com solutos antifúngicos ou um líquido roxo que se vende nas farmácias. Convém aplicar uma pomada antifúngica no períneo do bebé, se estiver vermelho. Se está a ser amamentado ao peito, convém a mãe lavar bem o peito e aplicar ela própria uma pomada após a mamada, pois o peito poderá ser um dos reservatórios dos fungos. A candidíase oral não tem qualquer perigo mas pode ser incomodativa e convém ser tratada. Ler Mais...

A pele do bebé

• A camada superficial da pele cai geralmente em pequenas escamas ou, mais raramente, em grandes películas. • Alguns bebés apresentam manchas avermelhadas no pescoço ou no rosto - dilatações dos vasos sanguíneos — que normalmente não constituem perigo. Por vezes apresentam também minúsculos pontos brancos no nariz, na testa, ou nas faces. se, sobretudo nas nádegas e nas pernas, devido às fezes e á urina. Em muitas crianças, as glândulas mamárias incham — numas mais, noutras menos — pois as hormonas sexuais (esterogénio) passam da mãe para o filho. No terceiro e quarto dias, após o nascimento, chegam mesmo a segregar leite. Não devem ser nunca espremidas pois haverá o perigo de infecção. Este inchaço deve passar, o mais tardar, passados doze dias. Ler Mais...

Estou com quatro meses de gravidez e ainda tive poucas consultas – vão-se tornar mais frequentes?

Sim, as suas consultas pré-natais vão tornar-se mais frequentes conforme a gravidez vai avançando. Na sua primeira gravidez, pode esperar um total de cerca de 10 consultas mas se já teve antes um bebé, poderão ser só 7. Se aparecer alguma complicação, serão marcadas consultas adicionais de acordo com as suas necessidades. O plano de consultas pré-natais difere ligeiramente de local para local, mas regra geral pode esperar uma consulta nas seguintes fases da gravidez: uma ou duas consultas por volta das 12 semanas de gravidez e depois consultas às 16 semanas, 25 semanas, 28 semanas, 31 semanas, 34 semanas, 36 semanas, 38 semanas, 40 semanas e, se o bebé atrasar, 41 semanas. Se estiver à espera do seu segundo ou subsequente bebé e a gravidez estiver a ser normal, pode não precisar de assistir a tantas consultas. Ler Mais...

Sempre que espirro sinto uma fuga de urina – isto vai durar para sempre?

Muitas mulheres sofrem de incontinência urinária durante a gravidez, ou seja, uma fuga de urina quando se tosse ou espirra. As fugas são causadas pelo afrouxamento dos músculos do pavimento pélvico - um grupo de músculos e ligamentos que suportam os órgãos pélvicos - devido às hormonas da gravidez. Conforme o bebé cresce e vai fazendo mais pressão na bexiga, a incontinência urinária torna-se mais provável. Recomenda-se que faça exercícios para o pavimento pélvico para reduzir a hipótese de fuga. Estes podem começar em qualquer fase da gravidez, mas quanto mais cedo melhor; logo que adquira a técnica certa, são simples. Como são exercícios muito discretos, é fácil praticá-los sem ninguém perceber o que está a fazer. A incontinência urinária deverá melhorar depois do parto embora possa levar várias semanas. Há algumas opiniões de que o problema pode levar mais tempo a resolver dependendo do tipo de parto, com um parto vaginal natural a ter mais probabilidades de prolongar o problema do que com uma cesariana. Ler Mais...
Infeccao de urina com 40 semanas | Para Pais.