Resultados para: "gravidez de gemeos escondido atras do outro"

Você está a ver criança , bebé e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa gravidez de gemeos escondido atras do outro. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, gemeos escondidos barriga, cesaria inflamada, cesariana inflamada, colo do utero dilatado fotos, bucentinha infantil.

Há gémeos na nossa família. Quando é que poderão verificar se vou ter gémeos?

A maior parte das mulheres descobre que vai ter gémeos na ecografia de data entre as 10 e as 14 semanas. Muito raramente, um dos gémeos está escondido na primeira ecografia e é visto na segunda, mas hoje em dia isso é menos provável devido aos avanços nas ecografias. O historial de família também dá uma ideia da possibilidade de gémeos mas só se forem não idênticos ou dizigóticos. Ler Mais...

Que probabilidades temos de os nossos gémeos serem idênticos?

Uma em oitenta gravidezes é de gémeos e um terço dos gémeos são idênticos. Embora haja factores que tornem mais provável ter gémeos não idênticos, tal como um historial de gémeos na família ou ter mais de 35 anos, ter gémeos idênticos não é hereditário e não há outros factores que o possam tornar provável. Ler Mais...

Poderei saber antes do parto se eles são idênticos?

O termo determinação da zigotia significa descobrir se os gémeos são idênticos (monozigóticos) ou não idênticos (dizigóticos ou falsos gémeos). É natural que os pais queiram saber tudo sobre os seus bebés e com os gémeos isso inclui a sua zigotia. Além das razões de curiosidade natural, saber se os gémeos são idênticos pode ajudar os pais a determinar a possibilidade de voltar a ter uma gravidez múltipla e também tem implicações nos cuidados durante a gravidez, pois os gémeos idênticos, em especial se partilharem a placenta, correm maior risco e assim a gravidez deverá ser monitorizada mais de perto. Em dois terços dos casos, a placenta fornece a resposta se os gémeos são idênticos. Se os bebés tiverem um único saco amniótico rodeado por uma membrana exterior de protecção chamada córion, são monozigóticos. Contudo, um terço dos gémeos idênticos cujo ovo se dividiu cedo antes de a placenta se começar a formar, tem dois córions e pode ter uma placenta fundida em que duas placentas crescem juntas ou duas placentas separadas. Estas placentas são difíceis de distinguir das dos gémeos dizigóticos. Ler Mais...

Os gémeos têm falta de espaço para se virar no útero?

Há tendência para, no terceiro trimestre, os gémeos encontrarem uma posição e ficarem assim, numa fase mais antecipada da gravidez do que se fosse só um bebé. Em geral, nas gravidezes de gémeos, parece haver muito menos movimento desde cerca das 32-34 semanas. Contudo, o tipo de parto que os seus gémeos vão ter depende, em grande parte, da direcção para que está voltado o gémeo que está mais descido. Se esse gémeo estiver de cabeça para baixo, então poderá ser possível um parto vaginal e poderá ser que se consiga colocar o segundo gémeo numa posição favorável, ou ele poderá precisar de um parto assistida. Ler Mais...

Porque é que os médicos poderão decidir fazer o parto dos meus gémeos por cesariana?

Uma cesariana facultativa pode ser recomendada para um parto de gémeos por várias razoes. A melhor altura para o parto de qualquer bebé é no termo da gravidez (37-40 semanas de gestação) e esse é o caso para o parto de gémeos pois poderão ser mais pequenos do que um único bebé tendo precisado de partilhar o seu fornecimento de nutrientes. Contudo se um ou ambos os bebés estiverem em risco, possivelmente devido a uma síndroma da transfusão feto-fetal ou se tiver tido tensão alta na gravidez poderá haver necessidade de fazer um parto pré-termo. Muitas unidades recomendam uma cesariana para os bebés em posição pélvica, em que o bebé está com as nádegas para baixo dentro do útero, pois há mais riscos associados a um parto vaginal de posição pélvica. Numa gravidez de gémeos, se o primeiro bebé estiver em posição pélvica, isso põe também o segundo gémeo em risco. Também, se o primeiro gémeo estiver em posição pélvica e o segundo de cabeça para baixo (posição cefálica), recomenda-se uma cesariana devido a uma complicação rara de “gémeos travados”, quando os queixos dos bebés estão encaixados um no outro. Se ambos os bebés estiverem de cabeça para baixo e parecerem bem desenvolvidos, muitas unidades maternas encorajarão um parto normal. O seu médico e a sua parteira discutirão isso consigo mais perto do tempo do parto. Ler Mais...
Gravidez de gemeos escondido atras do outro | Para Pais.