Resultados para: "gravidas parindo parto normal"

Você está a ver bebé , grávida e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa gravidas parindo parto normal. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, ver parto normal ver tudo, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

E seguro ter o bebé em casa?

Pesquisas mostram que para as mulheres saudáveis que tenham tido uma gravidez normal, um parto em casa, planeado e assistido por uma auxiliar com experiência, é tão seguro como dar à luz no hospital. Nas maternidades a assistência às grávidas será mais personalizada do que num hospital público. No entanto em caso de parto de risco, tanto para a mãe como os filhos, o hospital poderá ter acesso mais rápido aos cuidados intensivos. Estatisticamente, as mulheres que têm os partos em casa têm menos probabilidades de usar drogas para aliviar a dor e menos probabilidades de sofrer uma episiotomia, mesmo que tenham que ser transferidas para o hospital durante o trabalho de parto. Também costumam utilizar posições mais confortáveis como estar de pé para dar à luz em comparação com os partos nos hospitais. Ler Mais...

Farei um teste de HIV?

Todos os testes de rastreio e diagnóstico recomendados na gravidez são opcionais, portanto depende de si e do seu companheiro decidirem se os fazem. Um desses testes é uma análise ao sangue para verificar se tem o vírus da síndroma de imunodeficiência humana ou HIV e sem dúvida que algumas mulheres só descobrem que têm HIV na gravidez É importante fazer o teste da HIV na gravidez pois, se o resultado for positivo, medicação anti-retroviral, monitorização cuidada dos níveis maternos do sangue e um parto cuidado e seguro do bebé podem reduzir as probabilidades da transferência da infecção para o bebé de 40 % para 2 %. Nas mulheres grávidas com HIV é feita uma análise ao sangue por volta da altura do parto para medir os níveis do vírus. Dependendo dos resultados da análise ao sangue, o obstetra ou recomendará uma cesariana ou decidirá que os níveis são suficientemente baixos para ter um parto normal. Depois do parto, as mães HIV positivas são aconselhadas a alimentar a biberão, mais uma vez para reduzir o risco de transferência do vírus para o bebé. Ler Mais...

Quanto tempo posso ficar em casa depois de ter o meu bebé?

Todas as mulheres grávidas podem gozar de 120 a 150 dias de licença de parto, indiferentemente do tempo de serviço contínuo. A notificação à entidade patronal deve ser feita antes da data prevista para o parto. O subsídio de maternidade é pago durante os 120 dias de licença a 100% da remuneração ou 80% se optar por gozar mais 30 dias de licença. Tem de notificar por escrito o seu empregador até 7 dias após o parto. Ler Mais...

Ioga pré-natal

Praticar ioga na gravidez é altamente benéfico. Além de fortalecer e tonificar os músculos, o que irá ajudá-la no trabalho de parto e no parto, o ioga tem como objectivo conseguir que tenha uma maior consciência do seu ritmo respiratório, providenciando o instrumento perfeito de relaxamento na gravidez e preparando a para respirar durante as contracções. Procure um bom professor com experiência em ensinar mulheres grávidas ou frequente uma classe pré-natal. Ler Mais...

Qual o melhor tipo de exercício durante o terceiro trimestre?

A natação é uma forma excelente de exercício e pode ser mantida com segurança ao longo da gravidez. Melhora a circulação, fortifica os músculos, dá resistência e é a preferida na gravidez avançada pois fá-la sentir-se quase sem peso. Muitas mulheres acham que as aulas de aquanatal são um prazer - fazer exercício dentro de água é suave para as articulações e ajuda a reduzir o inchaço das pernas, muito comum no fim da gravidez. As aulas de aquanatal podem ser dadas por uma parteira ou por um professor treinado para ensinar mulheres grávidas. Caminhar é uma boa forma de exercício para a gravidez mais avançada pois mantém-na em forma sem prejudicar os seus joelhos ou tornozelos. Leve alguma água para beber para evitar desidratação. Ioga e pilares são bons se encontrar um professor com experiência em trabalhar com mulheres grávidas. O ioga ensina técnicas de respiração e relaxamento que podem ajudar durante o trabalho de parto e o parto. Muitos exercícios de pilates são feitos em posição de "gatas", o que é ideal para a gravidez e ajuda a diminuir o stress das costas e da pélvis e, próximo do fim da gravidez, pode ajudar a posicionar o seu bebé para o parto. Ler Mais...

Devo esperar até à minha consulta pós-parto para voltar a fazer amor?

Isso depende inteiramente de si e do seu companheiro! É normal querer voltar a ter uma vida amorosa ativa depois do parto mas também é normal não lhe apetecer durante meses! Algumas mulheres preferem voltar à sua vida amorosa só depois da consulta pós-parto por volta das seis semanas. O seu médico poderá confirmar que a ferida de uma episiotomia ou de um rasgão que tenha tido no parto cicatrizou e que o seu corpo está a voltar ao normal. Se tudo estiver bem, é provável que o sexo não seja desconfortável, mesmo de início. Outras mulheres sentem-se prontas para fazer amor antes da consulta pós-natal. Desde que tenha parado de sangrar e que leve as coisas calma e suavemente, não fará mal. Se tiver qualquer problema, poderá discuti-lo com o seu médico na altura da consulta. Ler Mais...
Gravidas parindo parto normal | Para Pais.