Resultados para: "gemeos escondido na barriga acontece"

Você está a ver bebé , gravidez e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa gemeos escondido na barriga acontece. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, gemeos escondidos barriga, cesariana inflamada, cesaria inflamada, colo do utero dilatado fotos, pontos parto normal coçando.

Há gémeos na nossa família. Quando é que poderão verificar se vou ter gémeos?

A maior parte das mulheres descobre que vai ter gémeos na ecografia de data entre as 10 e as 14 semanas. Muito raramente, um dos gémeos está escondido na primeira ecografia e é visto na segunda, mas hoje em dia isso é menos provável devido aos avanços nas ecografias. O historial de família também dá uma ideia da possibilidade de gémeos mas só se forem não idênticos ou dizigóticos. Ler Mais...

Que probabilidades temos de os nossos gémeos serem idênticos?

Uma em oitenta gravidezes é de gémeos e um terço dos gémeos são idênticos. Embora haja factores que tornem mais provável ter gémeos não idênticos, tal como um historial de gémeos na família ou ter mais de 35 anos, ter gémeos idênticos não é hereditário e não há outros factores que o possam tornar provável. Ler Mais...

A velha questão da liderança

Como qualquer pessoa, haverá um dos gémeos que, porventura, terá uma personalidade mais propensa à liderança do que o outro. Globalmente, porque «na especialidade» haverá domínios que são mais da apetência e competência de um (por exemplo, atividades motoras e desportivas), outras do outro (artes, contemplação). É importante que os pais conheçam bem os seus filhos e que possam proporcionar ocasiões e situações que dêem o protagonismo a cada gémeo. Aliás, é típico dos gémeos aprenderem com o outro e desenvolverem-se a partir dos esforços do outro. Se um trepa bem para cima dos sofás ou sai da cama de grades num pulo, o outro observará, tentará perceber como se faz e fará ele, também, passado um tempo, sem que ninguém propriamente lho ensine. E enquanto um lidera nas atividades motoras, o outro «dá cartas» na fala. E assim se complementam, alternando o controlo conforme as situações e as necessidades. Havendo mais irmãos, torna-se por vezes sedutor para estes fazer alianças com um dos gémeos, a fim de tentar romper o elo fortíssimo que os une, e isolar um deles, enfraquecendo-o. Isso acontece se o outro irmão faz pouca diferença de idade relativamente aos gémeos. É bom os pais estarem atentos a todos estes «jogos de poder», de alianças e de relação de forças, para evitar injustiças e intrigas desnecessárias. Ler Mais...

Como é que os gémeos são concebidos?

Os gémeos idênticos ou monozigóticos são produzidos quando um único óvulo é fertilizado por um único espermatozóide e depois o ovo divide-se em dois. Os bebés podem partilhar a membrana ou saco amniótico que os envolve no útero. Dependendo de quando o ovo se divide, também podem partilhar a placenta. Assim, os gémeos idênticos são do mesmo sexo e parecem iguais pois partilham o mesmo conjunto genético. Os gémeos não idênticos ou dizigóticos resultam de dois ovos fertilizados por espermatozóides diferentes na mesma altura e assim cada um tem o seu conjunto genético próprio e individual. Cada feto tem também o seu próprio saco amniótico e placenta. Ler Mais...

A mudança corporal até aos 3-4 anos

Um dos fenómenos que inquieta os pais e põe à beira de um ataque de pânico é a mudança no feitio do corpo, que ocorre até aos 3-4 anos, e que transforma o bebé rechonchudo numa criança esguia. A criança estiliza o corpo e perde os refegos da barriga, coxas e queixo. Cresce «para cima-. Surge o pescoço, escondido pelos duplos e triplos queixos Os braços tornam-se mais finos. As curvaturas da barriga desaparecem. A tudo isso se junta a perda do «ar de bebé» para, juntamente com a autonomia e poder de decisão, passar a ter um aspeto de «mais velho». O não entendimento deste fenómeno leva a que pais e avós pensem que está a emagrecer, mesmo que continue a pular e a saltar, cheia de energia. Há que entender este percurso - que não se reflete na evolução do peso e da estatura como um fenómeno normal e desejável, porque corresponde a um alongar do corpo e à perda de massa adiposa que não interessa mais ao corpo manter. Ler Mais...

Porque é que os médicos poderão decidir fazer o parto dos meus gémeos por cesariana?

Uma cesariana facultativa pode ser recomendada para um parto de gémeos por várias razoes. A melhor altura para o parto de qualquer bebé é no termo da gravidez (37-40 semanas de gestação) e esse é o caso para o parto de gémeos pois poderão ser mais pequenos do que um único bebé tendo precisado de partilhar o seu fornecimento de nutrientes. Contudo se um ou ambos os bebés estiverem em risco, possivelmente devido a uma síndroma da transfusão feto-fetal ou se tiver tido tensão alta na gravidez poderá haver necessidade de fazer um parto pré-termo. Muitas unidades recomendam uma cesariana para os bebés em posição pélvica, em que o bebé está com as nádegas para baixo dentro do útero, pois há mais riscos associados a um parto vaginal de posição pélvica. Numa gravidez de gémeos, se o primeiro bebé estiver em posição pélvica, isso põe também o segundo gémeo em risco. Também, se o primeiro gémeo estiver em posição pélvica e o segundo de cabeça para baixo (posição cefálica), recomenda-se uma cesariana devido a uma complicação rara de “gémeos travados”, quando os queixos dos bebés estão encaixados um no outro. Se ambos os bebés estiverem de cabeça para baixo e parecerem bem desenvolvidos, muitas unidades maternas encorajarão um parto normal. O seu médico e a sua parteira discutirão isso consigo mais perto do tempo do parto. Ler Mais...
Gemeos escondido na barriga acontece | Para Pais.