Resultados para: "foto de crianca de 16 anos perladas"

Você está a ver criança , leite e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa foto de crianca de 16 anos perladas. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, ver parto normal ver tudo, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Principais causas de perturbações da linguagem

Dada a complexidade da linguagem, que vai desde o ouvir o que se diz até poder expressar a resposta ou os sentimentos, e tudo o que, desde o ouvido ao sistema fonatório, passando pelas várias áreas cerebrais, está envolvido neste sistema, as causas de uma perturbação da linguagem podem ser múltiplas e variadas. O que mais interessará aos pais é saber quando será recomendável debater o assun- to com o médico-assistente, para eventuais exames e investigações. Os pais são os melhores detectores de problemas na linguagem, mas para isso têm de estar atentos e, por exemplo, como recomenda a Sociedade Portuguesa de Neurologia Pediátrica, ficarem alerta se a criança: •não pairar consoantes e vogais aos 8 meses e não apontar aos 12 meses; •não disser nenhuma palavra aos 16 meses, •não fizer expressões de duas palavras aos 2 anos e não construir frases aos 3 anos; •linguagem incompreensível para os pais aos 2 anos e para estranhos aos 3 anos; •«falar por falar» e não «para comunicar» aos 2 anos; •não contar uma história (resumida e com incorrecções, claro) aos 3 anos; •defeitos na articulação das palavras aos 5 anos; •suspeita de regressão da linguagem em qualquer idade, ressalvando que pode haver períodos de paragem, em que a criança deixa de dizer algumas coisas, mas porque está a absorver outras e a integrá-las, para depois retomar o fio à meada. Ler Mais...

Os ciclos do sono

A passagem do estádio de acordado para sono profundo, que nos adultos se faz rapidamente, não acontece na criança de 1-2 anos, salvo se estiver muito cansada. Assim, quando adormece fica um tempo em sono leve antes de aceder, depois, ao sono profundo. Este período vai diminuindo com a idade. Por volta dos 4-5 anos, já simplesmente «caem para o lado», quase como se se desligasse um interruptor. Só quando a criança começa a ficar mais mole e a respiração se torna regular, até pesada, se pode pensar que entrou em sono profundo - já podem deitá-lo e escapulir-se do quarto. Ler Mais...

Importância dos dentes de leite

É muito importante que os dentes de leite permaneçam na boca até chegar a altura de caírem naturalmente. Os dentes de leite são importantes porque ajudam: • Na manutenção de uma boa nutrição, ao permitirem uma boa mastigação; • No desenvolvimento correto da tala e da linguagem; • Na erupção dos dentes permanentes pois «guardam» o espaço necessário para estes erupcionarem corretamente; • A ter um sorriso bonito que dá à criança uma maior aceitação social, melhorando a sua autoestima e autoimagem. Frequentemente subestimam-se as cáries nos dentes de leite e os pais acham que, como o dente vai «cair» não vale a pena tratá-lo, mas tudo depende da idade da criança e do dente afetado. Todavia, por exemplo, os molares de leite vão permanecer na boca até cerca dos 11-12 anos, mesmo que a mudança de dentes se inicie aos 5-6 anos. Assim, se estes dentes apresentarem uma cárie, não é lógico que esta não seja tratada porque o dente ainda vai estar na boca cerca de mais 7 a 8 anos. Ler Mais...

Amizades duradoiras?

Na infância há amizades muito fortes, mas que têm tempo limitado e que acabam, por exemplo, de um ano lectivo para o outro. Há amigos de férias, amigos de vizinhança, amigos de escola ou das atividades desportivas. Todos sabemos que um ou dois dos nossos amigos vieram da infância e, mesmo passados anos e anos, gostamos de os rever, porque temos sentimentos de pertença muito fortes e uma série de códigos, histórias e «estórias» em comum. A partir dos 3 anos, uma criança já tem noção do que é a amizade e da importância de um amigo. No entanto, uma amizade não se força - desenvolve-se, vive-se, aceita-se, sofre-se com ela, partilham-se momentos bons, e não deve ser obrigatória. A verdadeira amizade é um relacionamento de verdade, de partilha e de aceitação com noção da autonomia e do respeito que a amizade deve manter. A tendência natural é para a criança escolher amigos parecidos com ela, para não se expor e não ter conflitos. Temos de as ensinar a ver o assunto por uma outra perspetiva: só uma amizade que resiste à diferença, é verdadeira. Ler Mais...

Pé plano «pé chato»

A maioria dos bebés nasce com o pé plano, e o arco plantar irá crescendo ao longo dos 3 primeiros anos de vida. Em algumas crianças, resultando sobretudo de herança genética, o arco plantar não se forma ou é muito reduzido. Diz-se então que a criança tem pé plano, mais frequentemente conhecido como pé chato. Quando pousa o pé, a criança coloca os calcanhares para dentro. Salvo graus muito elevados de pé chato, não é necessário nada de especial, a não ser o uso de sapatos formativos (não são ortopédicos!) e sentar-se sempre com as pernas cruzadas à frente e não debaixo do rabo. A intervenção ortopédica deve ser reservada para quando a criança cai muito ou tem dores depois de andar algum tempo, com desgaste atípico dos sapatos. Em caso de tratamento, este deve começar aos 3 anos. O pé chato tem uma tendência familiar. Ler Mais...
Foto de crianca de 16 anos perladas | Para Pais.