Resultados para: "e normal aparecer veias na cabeca de crianca"

Você está a ver alimentação , grávida e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa e normal aparecer veias na cabeca de crianca. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, ver parto normal ver tudo, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

A minha mãe teve varizes – será que também vou tê-las na gravidez?

Cerca de um terço das mulheres sofrem de alguma forma de varizes na gravidez. Isto ocorre porque o aumento da hormona progesterona faz com que as paredes das veias se tornem menos firmes; há também um aumento de pressão dentro das veias como resultado do aumento do útero que pressiona as veias da pélvis. Famílias com varizes no seu historial aumentam as possibilidades de as ter, mas há várias coisas que pode fazer para diminuir os riscos ou a gravidade das varizes. Se as varizes aparecerem durante a gravidez, em geral melhoram dentro de três meses depois do parto, embora infelizmente, em gravidezes subsequentes o mais certo seja voltarem. Ler Mais...

Os meus pés continuam inchados depois do parto – é normal?

Os pés e as pernas inchados são um efeito desagradável da gravidez. Depois do parto a pressão nas suas veias diminui e o fluxo de sangue volta ao normal, portanto o excesso de fluido já não é empurrado para os tecidos. O fluido extra que o seu corpo recolheu seexpelido e portanto de início poderá urinar muito. Isso pode demorar algum tempo e o inchaço pode perdurar durante pelo menos uma semana, o que é normal. Pode aliviar o inchaço descansando deitada para o seu lado esquerdo, sentando-se com as pernas erguidas, bebendo muita água, urinando muitas vezes, esticando as pernas e os pés, não ficando de pé muito tempo, fazendo exercício moderado, como caminhar, e comendo de forma saudável. Ler Mais...

Estou com 17 semanas e os meus seios mudaram – doem e parecem diferentes. Isso é normal?

É perfeitamente normal e muito comum ter alterações nos seios durante a gravidez. Estas são causadas quer por um aumento do fornecimento de sangue quer pelas hormonas da gravidez, em particular nas primeiras 12 semanas. Antes de a sua gravidez estar confirmada devia sentir uma sensação de formigueiro (em especial na zona dos mamilos) pois a afluência de sangue aumentou. Logo nas 6-8 semanas, os seios podem aumentar e tornar-se mais sensíveis e podem começar a ter um aspecto diferente, com veias muito finas a aparecerem Por volta das 8-12 semanas, os mamilos escurecem e podem tornar-se mais erectos, enas 16 semanas, o colostro, o primeiro leite, pode ser espremido. Ler Mais...

Como muito mozzarella, ele faz parte da lista de “queijos cremosos” que se devem evitar?

O queijo é uma das preocupações principais da mulher grávida, de acordo com pesquisas de saúde. Contudo, os queijos cremosos processados, como o mozzarella, o queijo fresco e o queijo creme, podem comer-se durante a gravidez. Aconselhamos a evitar queijos como o Camemben, o Brie ou Chèvre (um tipo de queijo de cabra cremoso), ou outros com uma casca semelhante e queijos com veias azuis ou curados, pois podem conter Listeria, uma espécie de bactéria que pode prejudicar o seu bebé. O processo de cozedura poderá matar a Listeria; assim poderá ser seguro comer comida que contenha queijos cremosos, com bolor ou de veias azuis, desde que tenha sido bem cozinhada e tenha cozido bem, até por dentro. Ler Mais...

Porque medem a cabeça do bebé?

Mede-se a cabeça do bebé para se determinar o bem-estar, o desenvolvimento e o crescimento do cérebro. A cabeça de muitos bebés é medida logo depois do parto, mas provavelmente esta não é a medição mais correta pois o formato da cabeça pode ter sido alterado ao passar o canal de parto. Só uns dias mais tarde é que retoma a sua forma normal. O comum é o pediatra ou o médico de família medi-la nas primeiras semanas depois do parto, e em geral esse valor é utilizado como medida base para a tabela de crescimento do seu bebé. As medidas tiradas durante o primeiro ano são registadas num boletim pessoal da saúde da criança que lhe será dado pelo hospital ou centro de saúde. Ler Mais...

Sintomas e sinais

Os sintomas e sinais da doença dependem da idade da criança e também do agente causador. Na criança com mais de ano e meio, a doença começa de forma brusca, com febre, vómitos, dores de cabeça, aversão à luz e grande prostração. A primeira manifestação pode, por exemplo, ser uma convulsão ou perda de consciência. Na observação médica ressaltam os chamados sinais meníngeos, entre os quais a rigidez dos músculos da nuca quando se flete a cabeça. Nas crianças mais jovens há febre, gemido, vómitos, irritabilidade ou prostração, palidez e frequentemente convulsões. O achado médico mais significativo é a chamada hipertensão da fontanela, ou seja, a «moleirinha» está abaulada e proeminente. Em algumas meningites, especialmente as provocadas pelo meningococo, podem aparecer lees da pele - hemorragias (tipo picada de alfinete, que são chamadas «petéquias», ou maiores, tipo nódoa negra, que se designam por «equimoses»), queixas gastrointestinais ou outras. Ler Mais...
E normal aparecer veias na cabeca de crianca | Para Pais.