Resultados para: "dilatacao precoce na gestacao"

Você está a ver grávida , gravidez e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa dilatacao precoce na gestacao. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, ver parto normal ver tudo, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Dilatação

Nas fases iniciais do trabalho de parto, o colo do útero começa a amaciar, e depois começa a dilatar para que o bebé possa passar através dele e sair pela vagina. A cabeça do bebé não pode passar pelo colo do útero até ele estar completamente dilatado. O tempo que isso demora varia: algumas mulheres já têm alguns centímetros de dilatação no início do trabalho de parto, enquanto outras levam várias horas a atingir essa fase. 2 CM de dilatação: Na primeira fase, o colo do útero começa a amaciar e a abrir gradualmente. 6 CM DE DILATAÇÃO: O colo do útero está a cerca de metade da dilatação e agora as contrações são mais fortes. 10 CM DE DILATAÇÃO: O colo do útero alargou o suficiente para o útero poder empurrar o bebé para fora. Ler Mais...

O que causa um aborto numa gravidez avançada?

Um aborto numa gravidez avançada pode acontecer devido a um colo do útero fraco (ou “incompetente”), o que causa a dilatação demasiado cedo. Isto ocorre em 15% dos abortos repetidos. Para uma futura gravidez, uma sutura do colo do útero pode fortalecer o músculo e prevenir uma abertura precoce. Outra causa pode ser o mau funcionamento da placenta, o que afecta o desenvolvimento do bebé. Ler Mais...

O Futuro

A maioria dos bebés sobrevive sem problemas. Aliás, estamos a falar de vários tipos de bebés, pois não se pode comparar um bebé de 23 semanas com um de 36 semanas de gestação. A causa de base, claro, é fundamental para a evolução. Uma coisa é uma prematuridade porque houve uma rotura precoce da bolsa de águas, outra porque o feto tem uma malformação neurológica grave. Os bebés prematuros são geralmente encaminhados para consultas hospitalares de neonatologia e deverão frequentá-las, mesmo tendo médico assistente «cá fora». Primeiro, porque os neonatalogistas seguem alguns aspetos mais particulares do desenvolvimento, por outro, porque é importante que os próprios profissionais se vão inteirando dos resultados da sua intervenção. A ida para casa dá-se geralmente quando o bebé tem dois quilos, se não existirem outros fatores impeditivos e se se puder já alimentar bem e controlar a sua temperatura. E os pais não deverão desenvolver uma proteção excessiva em relação à criança, tenha ela ou não quaisquer problemas. Ler Mais...

Razões para fazer o diagnóstico precoce do testículo não-descido

Há vários motivos que justificam um diagnóstico precoce do testículo não-descido, com vista ao seu tratamento: - reduzir a taxa de infertilidade - reduzir a incidência de cancro testicular - possibilitar a monitorização do eventual aparecimento de cancro - diagnóstico da agenesia testicular (ausência) ou de ectopia (migração para outro lado) - reduzir o risco de torção do testículo, uma situação cirúrgica grave - reduzir o risco de traumatismo testicular - razões psicológicas (diminuição da incidência do «complexo de castração») - reparação de hérnias inguinais associadas Ler Mais...

Ouvir

A detecção precoce dos perturbações da audição é fundamental, dado que é através do som que se comunica, se aprende o mundo e nos relacionamos, e também porque o desenvolvimento da linguagem verbal baseia-se em ouvir bem a gama de frequências que são produzidas e o encadeamento que forma as palavras e as frases. A baixa de audição bilateral e prolongada pode afectar significativamente o bem-estar da criança, nos aspectos emocional, educativo, social e linguístico, interferindo na aquisição normal da linguagem e na integração social. Existem alguns fatores de risco frequentemente associados a uma maior incidência de perturbações da audição. Oito por cento de todas as crianças têm um ou mais destes fatores de risco. A sua valorização permite identificar cerca de 80% das crianças com surdez precoce. É importante valorizar a história de familiares com surdez em criança. Ler Mais...

Abono de família pré-natal

É uma medida de incentivo à natalidade introduzida em Setembro de 2007. Consiste na atribuição de um montante mensal à mulher grávida que atinja a 13ª semana de gestação. O montante varia consoante o rendimento de referência do agregado que não pode ser superior a 5 vezes o valor do Indexante dos Apoios Sociais (IAS), e é concedido até ao mês do nascimento, inclusive. Deve ser requerido nos Centros Distritais da Segurança Social. Ler Mais...
Dilatacao precoce na gestacao | Para Pais.