Resultados para: "dicas de como saber se o bebe esta se encachanfo"

Você está a ver bebé , bebé e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa dicas de como saber se o bebe esta se encachanfo. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, ver parto normal ver tudo, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Pode-se realmente saber o sexo do bebé com antecedência? Estou com 18 semanas e não estou certa se quero saber

É possível identificar o sexo de um bebé em ecografia de rotina por volta das 20 semanas, mas isso depende de uma série de factores, incluindo a eficácia da pessoa que está a fazer a ecografia, a qualidade do equipamento a ser utilizado, a posição do bebé e a posição das pernas dele ou dela. Mesmo que todos estes factores sejam favoráveis e se possam ver os órgãos genitais, há ainda um factor de erro, portanto a informação sobre o sexo do bebé dada por uma ecografia nunca é 100 % segura. Têm sido feitas algumas pesquisas para tentar determinar o sexo numa fase mais inicial, mas isso ainda é menos seguro. Por vezes quando você está a ver a ecografia pode ser capaz de ver os genitais e pode ficar a saber o sexo do seu bebé sem lhe terem dito. Mas lembre-se de que pode estar errada. Se fizer uma amniocentese, o sexo do bebé pode ser identificado definitivamente durante o procedimento. Muitas unidades têm como política só revelar o sexo do bebé se essa informação for pedida. Outras unidades têm como política não dizer a ninguém o sexo do bebé só por ecografia, em parte porque não podem ser 100% seguras e também porque, num pequeno número de casos, a informação sobre o sexo pode conduzir a um pedido para terminar a gravidez. Se quiser saber a política da sua área, pergunte à parteira da sua comunidade. Ler Mais...

Como poderei saber se o meu bebé tomou leite suficiente?

Embora não possa medir a quantidade exata de leite que o seu bebé toma, os seios funcionam numa base de fornecimento e necessidade, portanto o seu corpo responde ao sugar do seu bebé. Em geral, os bebés mamam pelo menos 10 minutos em cada mamada nos primeiros dias depois do parto e poderá precisar de dar ambos os seios antes de ele estar satisfeito. Pode saber se o seu bebé se está a amamentar bem quando o seu maxilar inferior se movimentar de forma ritmada enquanto ele está ao peito. Quando estiver cheio, adormecerá ou soltará o mamilo e ficará acordado satisfeito. Não deverá interromper a mamada, mesmo para mudar de seio. Outro sinal de que o seu bebé teve leite suficiente é a quantidade de fraldas molhadas e sujas que produz. (Os bebés amamentados têm a tendência a fazer um cocó mais solto do que os alimentados a biberão). Se julgar que o seu bebé não está satisfeito, peça conselho ao pediatra ou médico de família. Ler Mais...

Posso obter aconselhamento sobre amamentação antes do parto? Terei ajuda no hospital?

Se está a planear amamentar, procure saber se na sua área existe apoio específico à amamentação ou sessões, antes do parto, pois ter informações adicionais com antecedência é muito útil e ajudá-la-á durante as primeiras semanas enquanto estiver a tentar regularizar a amamentação. Deverá ter apoio na amamentação enquanto estiver no hospital, tanto na sala de partos como na enfermaria; este pode vir de várias fontes e não só da parteira. Muitas maternidades têm trabalhadores de apoio à maternidade que ajudam na amamentação. Outras unidades encorajam voluntários de apoio à amamentação enquanto estão no hospital e depois em casa. Alguns bebés mamarão bem e sem problemas, enquanto que outros levarão um pouco mais de tempo a aprender, portanto peça ajuda e assistência se e quando precisar. Há algumas dicas que a podem ajudar a ter um bom começo: O contacto pele com pele no parto é recomendado para encorajar a produção de leite. É muito importante uma boa posição e agarrar bem no peito. Segure o seu bebé junto a si e de frente para o seio, com a cabeça dele, os ombros e o corpo numa linha direita e certifique-se de que o nariz dele ou o lábio superior estão de frente para o seu mamilo, para que ele possa agarrar o seio com facilidade. Assegure-se de que o bebé pode alcançar o seio facilmente, sem ter de se esticar ou de se torcer. Leve sempre o bebé de encontro ao peito em vez de levar o peito de encontro ao bebé. Alimente o seu bebé quando ele pedir, permitindo-lhe alimentar-se as vezes que precisar e o tempo que quiser. Evite suplementos de água ou de leite de farmácia, a não ser que haja razões médicas para isso que lhe tenham sido devidamente explicadas. Evite dar ao seu bebé biberões ou chupetas enquanto estiver a regularizar a amamentação pois isso pode criar uma' 'confusão de mamilo" pois os mamilos e as tetinas requerem técnicas diferentes de sucção. Tente relaxar e apreciar a amamentação. Ler Mais...

Ensinar a domar a televisão

Mais importante do que assumir atitudes fundamentalistas, seja de restrição ou de laxismo, mais importante é aprender a usar a televisão. Ficam aqui algumas dicas, que devem ser implementadas sem receio: • limitar o tempo que a criança vê televisão (incluindo DVD's e vídeos); • colocar outros centros de interesse - livros, brinquedos, puzzles, etc. - na sala onde está a televisão, mas bem evidentes, para a criança se entusiasmar por eles; • desligar a televisão durante a refeição - se estiver a dar um programa interessante para qualquer membro da família, então esperar pelo final para jantar ou almoçar; • não ter televisão no quarto da criança; • desligar a televisão quando a criança está noutra atividade; • combinar com a criança que programa ou filme vai ver, e fazer com que seja ela a ligar e a desligar o aparelho; • fazer ver que a televisão é um privilégio e não um direito; • insitituir um dia por semana sem televisão (será bom para toda a família); • ser um bom exemplo, utilizando também moderada e criteriosamente a televisão; • inteirar-se do que a televisão vai passar, nas horas em que a criança irá ver, para saber de que se trata e, também, seo passar anúncios e promos de filmes violentos ou com cenas impróprias para crianças; • habituar a criança a negociar com os outros membros da família, e não ceder sempre aos seus caprichos ou às suas escolhas, mostrando que os outros também querem ver programas ao seu gosto (ou ouvir música e ter outras actividades sem TV); • estar disponível para explicar alguma coisa que a criança não tenha compreendido ou que lhe cause perplexidade e confusão; • arranjar alternativas engraçadas e criativas. Ler Mais...

O bebé e a música

Há quem chame à música a «arte perfeita». Desde há muitos anos que se sabe que os bebés gostam de música aliás, como a esmagadora maioria das pessoas. Mas digamos que os bebés têm um «sexto» sentido para a música, para a entenderem como elemento estruturante da informação, do conhecimento, do saber, mas também dos facetos, das relações, do saber fruir e contemplar o tempo e os momentos. Só é estimulado para ouvir e tocar música o bebé que tenha pais ou um infantário que lhe façam ouvir música. E, verdade seja dita, neste campoo deve haver arrogâncias intelectuais cada um deverá fazer chegar ao bebé a música que entender mais conveniente. Uma casa onde se ouve música é uma casa onde o tempo tem uma gestão diferente, onde há mais hipóteses de tranquilidade, onde os ritmos são mais «à escala humana». Onde a televisão está provavelmente fechada por períodos mais longos. Ler Mais...

A Praia, de «A» a «Z»

Ir à praia com uma criança desta idade despoleta um misto de sentimentos: alegria, sensação de desafio, receio, curiosidade, cansaço, apreensão, excitação. Afinal, os mesmos sentimentos que a criança terá aode repente, olhar para a imensidão da areia e para a imensidão do mar, para o barulho das ondas e para a atracção da espuma, para a confusão das pessoas e para a pletora de cores e sons. Ficam aqui algumas dicas, «de A a Z», para prepararem a ida à praia com os vossos filhos e para que esses momentosejam os melhores possíveis. Ler Mais...
Dicas de como saber se o bebe esta se encachanfo | Para Pais.