Resultados para: "depois do parto normal quantos fica sangrando"

Você está a ver alimentação , criança e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa depois do parto normal quantos fica sangrando. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, ver parto normal ver tudo, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Devo esperar até à minha consulta pós-parto para voltar a fazer amor?

Isso depende inteiramente de si e do seu companheiro! É normal querer voltar a ter uma vida amorosa ativa depois do parto mas também é normal não lhe apetecer durante meses! Algumas mulheres preferem voltar à sua vida amorosa só depois da consulta pós-parto por volta das seis semanas. O seu médico poderá confirmar que a ferida de uma episiotomia ou de um rasgão que tenha tido no parto cicatrizou e que o seu corpo está a voltar ao normal. Se tudo estiver bem, é provável que o sexo não seja desconfortável, mesmo de início. Outras mulheres sentem-se prontas para fazer amor antes da consulta pós-natal. Desde que tenha parado de sangrar e que leve as coisas calma e suavemente, não fará mal. Se tiver qualquer problema, poderá discuti-lo com o seu médico na altura da consulta. Ler Mais...

Ouvi falar de “dores pós-parto”, mas o que são exatamente?

O termo "dores pós-parto" refere-se ao desconforto que se sente depois do parto quando o útero começa a contrair-se para voltar ao normal, ao tamanho anterior à gravidez. Essas dores são por vezes descritas como semelhantes a dores de período. Por vezes, as mulheres que têm o primeiro bebé podem não sentir dores pós-parto, ou estas podem ser muito leves; são sentidas com mais frequência por mulheres que têm o segundo ou subsequente bebé, devido ao facto de o útero ter de se esforçar mais para recuperar o seu tamanho normal depois de ter sido esticado em mais de uma ocasião. As dores pós-parto também têm tendência a ser mais sentidas pelas mulheres que amamentam os bebés, pois a amamentação estimula a libertação da hormona oxitocina, o que por sua vez estimula as contrações uterinas que são sentidas como dores pós-parto. Se tiver dores pós-parto muito desconfortáveis, é perfeitamente seguro tomar um analgésico leve como paracetamol. Verá que o desconforto desaparece passados alguns dias. Também pode acalmar tomando banhos quentes. Ler Mais...

Os meus pés continuam inchados depois do parto – é normal?

Os pés e as pernas inchados são um efeito desagradável da gravidez. Depois do parto a pressão nas suas veias diminui e o fluxo de sangue volta ao normal, portanto o excesso de fluido já não é empurrado para os tecidos. O fluido extra que o seu corpo recolheu será expelido e portanto de início poderá urinar muito. Isso pode demorar algum tempo e o inchaço pode perdurar durante pelo menos uma semana, o que é normal. Pode aliviar o inchaço descansando deitada para o seu lado esquerdo, sentando-se com as pernas erguidas, bebendo muita água, urinando muitas vezes, esticando as pernas e os pés, não ficando de pé muito tempo, fazendo exercício moderado, como caminhar, e comendo de forma saudável. Ler Mais...

A aparência do seu recém-nascido

A aparência do seu bebé logo depois do parto pode não ser a que você esperava. Logo depois do parto a pele pode ter um aspeto vermelho-escuro ou púrpura, mas mudará rapidamente para um tom mais claro quando ele começar a respirar através dos pulmões pela primeira vez. Durante as primeiras 24-48 horas as mãos e os pés podem estar um pouco azulados; isso é normal, mas se nessa altura tiver a pele azulada noutros sítios, isso não é normal e deverá ser examinado. O formato da cabeça do bebé por vezes preocupa os pais; como o bebé passa pelo canal de parto, os ossos do crânio estão preparados para se sobreporem, e a cabeça pode parecer pontiaguda. Contudo, isso resolve-se em 24 horas. Por vezes o couro cabeludo tem alguma pisadura devido à posição do bebé durante o trabalho de parto, mas desaparecerá na primeira semana. Ler Mais...

Serei capaz de ajudar a parteira a cortar o cordão umbilical depois do parto?

É normal o pai do bebé, ou outro acompanhante de parto, cortar o cordão umbilical depois do parto. As parteiras e os médicos em geral gostam que isso aconteça, desde que não haja problemas com a mãe ou o bebé que necessitem que o cordão umbilical seja cortado muito rapidamente. O cordão é mais duro do que muita gente pensa, mas a parteira vai orientá-lo e mostrar-lhe-á como cortá-lo com segurança. Saiba que por vezes são necessárias várias tentativas até o separar completamente! Ler Mais...

A Cabeça

Na cabeça avaliam-se os ossos e a fontanela, uma zona que causa sempre alguma impressão aos pais, mas que «não se parte». A fontanela anterior é o espaço que fica entre os ossos frontal e parietais (podendo existir uma fontanela posterior entre os parietais e o occipital) e o facto de os ossos terem esse espaço entre eles permite à cabeça crescer, em virtude do crescimento do cérebro. Muitas vezes a fontanela pulsa e isso é normal. A fontanela é um bom local de observação de doenças, como por exemplo a desidratação (fica deprimida) ou a meningite (fica saliente e tensa). Na cabeça, e resultantes do parto, especialmente quando é demorado e traumático (por exemplo no uso de ventosa), podem ver-se Céfalo-hematomas, que são zonas salientes, moles, e que correspondem a bolsas de sangue, ou o chamado caput sucedâneo, que é uma zona de inchaço, mais ampla, de edema (líquidos, pelo efeito de sucção e de vácuo durante o parto). Podem também existir, sem significado patológico, cavalgamentos dos vários ossos da cabeça. Por vezes, o formato da cabeça é assimétrico, pois é muito influenciado pela posição em que esteve in útero, ou se esteve encostado, por exemplo, a um osso da mãe.

Ler Mais...
Depois do parto normal quantos fica sangrando | Para Pais.