Resultados para: "crianca com a barriga inchada e quente"

Você está a ver grávida , criança e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa crianca com a barriga inchada e quente. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, ver parto normal ver tudo, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Balanite

Chama-se balanite à inflamação ou infeção da glande, que é a zona que está debaixo do prepúcio (pele da pilinha). Pode ocorrer em qualquer idade. O aspeto é de uma pilinha com a ponta inchada, vermelha, com corrimento que pode ter várias cores: branco, amarelado ou esverdeado, mas que é geralmente espesso. Por vezes há queixa de dor ao fazer xixi. A balanite é muito comum - na idade das fraldas, há fatores que podem aumentar a frequência da infeção, como o ambiente quente, húmido e escuro da região genital, com a proximidade das fezes. A fimose (aperto da pilinha) é outro fator que ajuda. O tratamento da balanite assenta na aplicação de uma pomada com antibiótico durante 4 ou 5 dias, e limpeza (depois de passar a fase de maior inchaço). Em casos de repetição, ou naqueles em que a criaa fica com dificuldade a fazer xixi, poderá ser necessária a circuncisão. Ler Mais...

Conselho sobre queimaduras

E necessário que as criaas, a partir do ano, ano e meio, tenham a perceção do que é «estar quente», mesmo que a proteção seja essencial e não se possa confiar na educação. Para distinguir o quente do frio, e acompanhar essa sensação de um «canto de aviso» dos pais, pode encostar-lhe a mão a um objeto morno (morno!), como uma caneca com líquido, e dizer, com ar escandalizado: «Cuidado! Está quente. Pode queimar!» A criaa aprendee sentirá o calor que irradia de fontes de aquecimento. Mas claro que não se pode confiar apenas neste sentido. Ler Mais...

Quando devo pôr o meu bebé de barriga para baixo?

Mesmo um recém-nascido pode passar algum tempo de barriga para baixo quando estiver acordado para ajudar a fortalecer o pescoço e os ombros e para ajudar a controlar a cabeça. É importante que o seu bebé não passe o tempo todo deitado de costas, pois com o passar do tempo pode deformar a cabeça e "achatá-la" num dos lados. Quando for mais velho, deitá-lo de barriga ajudá-lo-á a aprender a gatinhar. Supervisione-o durante "o tempo de barriga para baixo" e esteja pronta para ajudar se ele se cansar ou ficar frustrado; irá gradualmente ficando mais forte. Contudo, nunca ponha o seu bebé de barriga para baixo para dormir, pois isso pode aumentar o risco de morte súbita. Ler Mais...

A minha barriga é descida portanto deve ser um rapaz?

Isso não é provável! Diz-se que se a barriga é baixa vai ter um rapaz, e se é alta, então vai ter uma menina. A verdade é que a forma da sua barriga provavelmente é determinada pelo músculo e tonicidade uterinos assim como pela posição do seu bebé. Há imensos mitos menina - menino: se tiver as mãos macias vai ter uma rapariga, se tiver as mãos ásperas será um rapaz; se o futuro pai andar nervoso é uma menina, se andar relaxado é um rapaz; se ae pegar na chávena de cacom as duas mãos é uma menina se pegar pela asa é um rapaz; se tiver o umbigo muito sensível é uma menina, se tiver os pés frios é rapaz... a lista não tem fim! Ler Mais...

Fazer amor com conforto

Você e o seu companheiro podem precisar de fazer mais experiências durante a gravidez para encontrar posições que sejam confortáveis para si e para a sua barriga em rápido crescimento. Com o avaar da gravidez, muitas mulheres acham que estar deitadas de costas, na posição do missionário, torna-se muito desconfortável pois o companheiro faz pressão sobre a barriga. Pode descobrir que estar por cima é uma posição mais agradável, permitindo-lhe controlar a penetração e não fazendo pressão na sua barriga. Deitada na posição de lado, com o seu companheiro atrás de si, pode ser agradável e não pressiona o seu abdómen. Outras posições que não diminuem o prazer e são confortáveis incluem sentados juntos, ajoelhados enquanto o seu companheiro penetra por trás e deitados lado a lado com as suas pernas dobradas sobre as pernas do seu companheiro. Ler Mais...

A que temperatura deveestar a nossa casa quando trouxermos o nosso bebé?

É difícil para os bebés manterem a temperatura do corpo. As unidades maternas estão muito aquecidas pois estão a lidar com bebés que acabaram de nascer e que ainda estão bastante molhados do parto. Uma vez em casa, deve manter a temperatura do quarto a cerca de 16-20°C, pelo que podeachar conveniente a compra de um termómetro de ambiente. Os bebés correm risco de morte súbita se estiverem demasiado quentes por estarem num quarto muito aquecido ou com demasiada roupa. Contudo, a temperatura do quarto é só uma indicação, e você deveaprender a verificar por outros sinais se o seu beestá demasiado quente ou demasiado frio Como guia, as mãos e os pés do bebé devem estar frios e a cabeça deve estar quente pois ele tem tendência a perder calor pela cabeça. Verifique a temperatura do bebé colocando as costas da sua mão no peito dele, mas não os dedos, que podem estar frios. Se sentir o seu bequente, é provável que esteja suficientemente aquecido. Se estiver demasiado quente ou transpirado, retire uma camada de roupa ou um cobertor ou lençol. Se estiver frio, adicione uma camada. Os edrees não são recomendados até o bebé ter pelo menos um ano, para evitar sobreaquecimento. Se o seu beestiver maldisposto, quente ou com tremuras, a sua reação imediata deverá ser embrulhá-lo e embalá-lo, mas isso pode aquecê-lo demasiado. Em vez disso, retire alguma roupa para que o bebé possa arrefecer. Procure ajuda médica de imediato se a temperatura do bebé for superior a 39°C ou se ele não reagir. Ler Mais...
Crianca com a barriga inchada e quente | Para Pais.