Resultados para: "constipacao dores de cabeca e infecao urinaria o que significa"

Você está a ver criança , grávida e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa constipacao dores de cabeca e infecao urinaria o que significa. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. mulheres parindo dentro do hospital, cesaria inflamada por dentro, ver parto normal ver tudo, parto normal visto de frente, grávidas parindo parto normal, cesariana inflamada, gemeos escondidos barriga.

Infeção urinária

O termo «infeção urinária» abrange um conjunto de situações que têm em comum a presença de bactérias nas vias urinárias em quantidade significativa. É muito comum as crianças terem infeções urinárias - aos 5 anos, quase 10% das raparigas e 2% dos rapazes tiveram-nas. À medida que a criança cresce, sobretudo depois dos 2 anos, os sintomas tornam-se diferentes - se no início era a má progressão de peso ou a febre e diarreia de causa inexplicável, depois dos 2 começam as queixas de ar- dor ou dor a urinar, aumento do número de vezes que a criança pede para fazer xixi, xixi às pinguinhas, sangue na urina ou voltar a ter enurese depois de já controlar os esfíncteres. Quando a infeção é mais próxima do rim ou o envolve, os sintomas são de infeção, com febre alta, quebra do estado geral, vómitos e desidratação. A maioria das infeções urinárias dizem respeito à bexiga (denominadas infeções baixas). As infeções do rim, bacinete e ureteres (infeções altas) são mais raras. A importância de diagnosticar uma infeção urinária, além de tratar a situação, reside também no facto de poderem resultar sequelas, mesmo quando se trata do primeiro episódio. Impõe-se assim evitar a deterioração aguda ou crónica da função renal. O risco de sequelas renais é maior nos dois primeiros anos de vida ou se houver refluxo vesicoureteral ou patologia nefro-urológica subjacente. Por outro lado, as infeções urinárias podem ser potencialmente reveladoras de malformações ou disfunções nefro-urológicas (o refluxo vesicoureteral, por exemplo, é frequentemente evidenciado através de uma infeção urinária). Ler Mais...

Desde que estou grávida tenho dores de cabeça terríveis. O trabalho no computador pode ser a causa?

As dores de cabeça e enxaquecas são comuns na gravidez, provavelmente devido à alteração de hormonas. Também é normal ter dores de cabeça fortes devido à utilização prolongada do computador. Isso pode dever-se à tensão ocular e ao facto de estar imóvel, o que pode causar tensão. Diminuir o uso do computador e fazer intervalos pode reduzir o risco de dores de cabeça. Se issoo ajudar, fale com o seu chefe para a transferir para uma diferente área de trabalho, pelo menos até a gravidez estar mais adiantada (em geral as dores de cabeça são piores durante o primeiro trimestre). Este é um direito seu, como grávida. Ler Mais...

Como lavar o pipi

A lavagem deve ser feita suavemente, sempre da frente para trás, para diminuir o risco de contaminação com bactérias das fezes, o que poderia causar uma infeção urinária. Nas primeiras semanas de vida, o bebé pode ter uma secreção mucosa queo representa qualquer problema. Ler Mais...

Alívio natural da dor

Tente explorar os remédios naturais para alívio de dores antes de escolher um medicamento. Uma massagem na cabeça, beber muitos líquidos ou descansar num quarto na penumbra, podem ajudar a aliviar a dor de cabeça. Exercícios suaves de alongamento ou um banho quente podem aliviar as dores das costas. Na gravidez podem ser usadas várias terapias complementares. Por exemplo, a reflexologia pode aliviar as dores das costas e problemas circulatórios e a homeopatia pode tratar sintomas de gravidez, como náuseas e indigestões. Antes de usar qualquer tipo de terapia complementar na gravidez, consulte o seu médico. Ler Mais...

Desde que estou grávida que tenho tido dores de cabeça regulares – devo preocupar-me?

As dores de cabeça nas primeiras fases da gravidez são bastante normais e julga-se que se devem aos efeitos das hormonas da gravidez. Também podem ser causadas por outras coisas como desidratação, nível baixo de açúcar no sangue, ambiente abafado, cansaço e falta de sono. Tente beber mais água, esforçando-se por beber pelo menos oito copos de água por dia, e ter refeições regulares para manter o seu nível de açúcar no sangue. Se sentir a dor de cabeça a chegar, beba dois copos de água e descanse durante 30 minutos. Tomar uma dose esporádica de paracetamol é considerado seguro, embora, se possível, seja melhor evitar. Se tem vindo a sofrer de dores de cabeça há vinte e oito semanas ou mais, deverá informar o seu médico ou parteira, em especial se as suas dores de cabeça forem acompanhadas por visão desfocada, dificuldade em focar, ou clarões, pois isso pode ser sinal de hipertensão induzida da gravidez (tensão alta), o que pode indicar pré-eclampsia. Tenteo se preocupar, pois embora muitas mulheres se queixem de dores de cabeça e algumas tenham a tensão alta na gravidez, poucas desenvolvem pré-eclampsia. Julga-se que a incidência é de dois a cinco por cento das gravidezes. Ler Mais...

Tenho dores de cabeça desde o parto. Sedevido à epidural?

As dores de cabeça depois do partoo comuns e as causas podem ser cansaço, desidratação, stress e falta de ar fresco e exercício, assim como o aumento das hormonas depois do parto. Depois de uma epidural, tem algumas probabilidades de ter uma dor de cabeça "pós-epidural”. Isso ocorre entre um dia e uma semana depois da epidural, é pior quando está sentada ou dee alivia quando se deita ou toma alguma coisa para aliviar a dor, como paracetamol. Beber líquidos e evitar pegar em pesos também pode ajudar. Se julgar que essa é a causa, a parteira ou o médico podem enviá-la à equipa de anestesia para tratamento. Contudo, é muito provável que a sua dor de cabeça não esteja relacionada com a epidural. Ler Mais...
Constipacao dores de cabeca e infecao urinaria o que significa | Para Pais.