Resultados para: "como saber o lado da placenta"

Você está a ver leite , alimentação e / ou outros itens relacionados com a sua pesquisa como saber o lado da placenta. Encontre as melhores dicas para ajudar no desenvolvimento da sua gravidez. cesaria inflamada por dentro, cesaria inflamada, gemeos escondidos barriga, mulheres parindo dentro do hospital, colo do utero dilatado fotos, pontos parto normal coçando, tive dengue posso engravidar.

Poderei saber antes do parto se eles são idênticos?

O termo determinação da zigotia significa descobrir se os gémeos são idênticos (monozigóticos) ou não idênticos (dizigóticos ou falsos gémeos). É natural que os pais queiram saber tudo sobre os seus bebés e com os gémeos isso inclui a sua zigotia. Além das razões de curiosidade natural, saber se os gémeos são idênticos pode ajudar os pais a determinar a possibilidade de voltar a ter uma gravidez múltipla e também tem implicações nos cuidados durante a gravidez, pois os gémeos idênticos, em especial se partilharem a placenta, correm maior risco e assim a gravidez deverá ser monitorizada mais de perto. Em dois terços dos casos, a placenta fornece a resposta se os gémeos são idênticos. Se os bebés tiverem um único saco amniótico rodeado por uma membrana exterior de protecção chamada córion, são monozigóticos. Contudo, um terço dos gémeos idênticos cujo ovo se dividiu cedo antes de a placenta se começar a formar, tem dois córions e pode ter uma placenta fundida em que duas placentas crescem juntas ou duas placentas separadas. Estas placentas são difíceis de distinguir das dos gémeos dizigóticos. Ler Mais...

Placenta prévia

Isto significa uma placenta muito descida e ocorre quando a placenta está a cobrir parcial ou completamente o colo do útero. Na placenta prévia completa, o bebé não pode nascer pela vagina. A placenta prévia completa corre o risco de sangramento abundante, quer na gravidez avançada quer mesmo durante o trabalho de parto, que tem de ser tratado como uma emergência. Se se detectar uma placenta descida na ecografia das 20 semanas, deverá fazer-se outra ecografia para o fim da gravidez; isso porque a placenta pode "subir" conforme o útero vai crescendo e por volta das 34 semanas pode já não estar descida. Se tiver placenta prévia, muitos médicos mandá-la-ão internar nas últimas semanas da gravidez até ao parto, para que uma hemorragia possa ser tratada de imediato. Ler Mais...

O que acontece à placenta?

A placenta sustentou o seu bebé durante os nove meses no útero e o que lhe acontece depois da expulsão é uma pergunta comum. A placenta será observada para se comprovar que está completa e que foi expulsa com sucesso. Se parecer saudável, será deitada fora no hospital. Poderá ser levada para análises num laboratório se houver alguma coisa anormal na sua aparência. Em algumas culturas faz-se uma cerimónia com a placenta; e em algumas partes do mundo há mesmo a tradição de a comer. Ler Mais...

A minha amiga teve descolamento da placenta. Isso é grave?

Descolamento da placenta significa que a placenta começou a descolar das paredes do útero antes de a gravidez ter atingido o termo. Isto é um estado potencialmente grave que pode significar que o bebé tem que ser tirado o mais rápido possível por cesariana. Se durante a gravidez houver dor persistente no abdómen, que pode ser acompanhado por sangramento fresco, vermelho vivo e/ou uma alteração nos movimentos do bebé, então deve ser pedida ajuda médica de imediato. Ler Mais...

A minha placenta está descida e disseram-me para evitar o sexo. Porquê? Só estou com 30 semanas de gravidez.

Conforme o bebé se vai desenvolvendo e crescendo, o mesmo acontece com o útero, e o resultado é que a placenta sobe, afastando-se da abertura do útero. Contudo, em 10 % das mulheres, a placenta mantém-se descida durante a gravidez avançada e então corre-se o risco de uma hemorragia. Uma placenta descida é muitas vezes detectada pela primeira vez numa primeira ecografia e, se for o caso, é normal repetir-se a ecografia cerca das 34 semanas de gravidez para determinar se a placenta continua descida e onde se situa exactamente em relação à abertura do colo do útero. O maior risco de uma placenta descida é uma hemorragia e se já tiver tido algum sangramento é normal recomendar-se que evite ter relações sexuais, pois a agitação do colo do útero, que ocorre durante as relações, pode encorajar mais sangramento. Se tiver dúvidas, será melhor discutir as suas circunstâncias particulares com o seu médico ou obstetra. Ler Mais...
Como saber o lado da placenta | Para Pais.