Quais as causas?



Ainda não se conseguiu chegar a uma conclusão sobre as causas das síndromas autistas, porque haverá um conjunto de doenças diferentes, com causas também diferentes.

Provavelmente existirá, como em quase, tudo, um componente ambiental e um genético – quando há um filho com autismo, a probabilidade de um segundo ter a doença é de um em vinte, superior ao da população em geral Aliás, ao fazer-se uma história cuidadosa da família, conseguem encontrar-se casos em que o desempenho e o funcionamento pessoal não chegaram para chamar a atenção, mas que prejudicaram o relacionamento com os outros ou se revelaram em comportamentos de tipo obsessivo.

Os estudos da neurociência revelaram alterações na composição e no funcionamento do cérebro. Outros estudos referiram haver uma deficiência dos neurotransmissores, substâncias – como a serotonina – que facilitam a passagem dos estímulos e da informação entre os neurónios. Parece, portanto – seja qual for a causa – haver uma deficiência de comunicação entre as várias áreas do cérebro, designadamente entre as grandes áreas do pensamento e da comunicação, e da razão e da emoção.

Comentários

Quais as causas? | Para Pais.