Hiperestimulação



Será que hiperestimulações as crianças? Esta é uma questão que não pode ser respondida com um simples «sim» ou «não», sob pena de ficarmos ao nível da superficialidade e dos preconceitos, os quais, infelizmente, geram muitas vezes atitudes e medidas profundamente erradas e contra o interesse das próprias crianças. A estimulação pode ser «boa» ou «má», consoante a maneira como é vista pela criança, como é feita pelos adultos e, principalmente, se é ou não é adequada – à idade, ao sexo, ao momento, ao contexto, às circunstâncias. E também na medida em que se integra nos seus ritmos biológicos, psicológicos e sociais.

Comentários

Hiperestimulação | Para Pais.