Gosto de alimentos condimentados mas disseram-me que podem estimular um parto pré-termo – é verdade?



Muitas pessoas acreditam que comer caril estimula o início do trabalho de parlo, mas isso não é verdade. Embora as razoes por trás disto tenham lógica, a teoria não funciona.
Um dos primeiros sinais do trabalho de parto de que menos se fala, é ficar com os intestinos um pouco soltos ou mesmo diarreia.
Isso acontece porque o colo do útero e parte do intestino têm um fornecimento nervoso comum.
Quando o colo do útero começa a amolecer na preparação para o trabalho de parto, o intestino é estimulado.
Isto pode causar um movimento mais rápido dos alimentos e os intestinos soltos com mais frequência.
O trabalho de parto pode iniciar-se nas próximas horas ou dentro de um dia ou dois.
Algumas pessoas pensam que se comer um caril picante, por exemplo, para ajudar a ter uma diarreia, poderá estimular o colo do útero e começar o trabalho de parto.
Infelizmente, o processo parece não funcionar ao contrário.
O trabalho de parto que se segue a uma diarreia induzida é provavelmente uma coincidência, e os efeitos laterais de dores abdominais, diarreia e dor são desagradáveis.
Contudo, se comer caril e alimentos condimentados com regularidade e não ficar com azia ou indigestão, não há problema em facilitar de vez em quando.

Comentários

Gosto de alimentos condimentados mas disseram-me que podem estimular um parto pré-termo – é verdade? | Para Pais.