Ensinar a domar a televisão



Mais importante do que assumir atitudes fundamentalistas, seja de restrição ou de laxismo, mais importante é aprender a usar a televisão. Ficam aqui algumas dicas, que devem ser implementadas sem receio:

• limitar o tempo que a criança vê televisão (incluindo DVD’s e vídeos);
• colocar outros centros de interesse – livros, brinquedos, puzzles, etc. – na sala onde está a televisão, mas bem evidentes, para a criança se entusiasmar por eles;
• desligar a televisão durante a refeição – se estiver a dar um programa interessante para qualquer membro da família, então esperar pelo final para jantar ou almoçar;
• não ter televisão no quarto da criança;
• desligar a televisão quando a criança está noutra atividade;
• combinar com a criança que programa ou filme vai ver, e fazer com que seja ela a ligar e a desligar o aparelho;
• fazer ver que a televisão é um privilégio e não um direito;
• insitituir um dia por semana sem televisão (será bom para toda a família);
• ser um bom exemplo, utilizando também moderada e criteriosamente a televisão;
• inteirar-se do que a televisão vai passar, nas horas em que a criança irá ver, para saber de que se trata e, também, se vão passar anúncios e promos de filmes violentos ou com cenas impróprias para crianças;
• habituar a criança a negociar com os outros membros da família, e não ceder sempre
aos seus caprichos ou às suas escolhas, mostrando que os outros também querem
ver programas ao seu gosto (ou ouvir música e ter outras actividades sem TV);
• estar disponível para explicar alguma coisa que a criança não tenha compreendido ou que lhe cause perplexidade e confusão;
• arranjar alternativas engraçadas e criativas.

Comentários

Ensinar a domar a televisão | Para Pais.