Conselho sobre queimaduras



E necessário que as crianças, a partir do ano, ano e meio, tenham a perceção do que é «estar quente», mesmo que a proteção seja essencial e não se possa confiar na educação.

Para distinguir o quente do frio, e acompanhar essa sensação de um «canto de
aviso» dos pais, pode encostar-lhe a mão a um objeto morno (morno!), como uma caneca com líquido, e dizer, com ar escandalizado: «Cuidado! Está quente. Pode queimar!»

A criança aprenderá e sentirá o calor que irradia de fontes de aquecimento. Mas claro que não se pode confiar apenas neste sentido.

Comentários

Conselho sobre queimaduras | Para Pais.