Como fazer o diagnóstico?



Sempre que existe uma suspeita é preciso fazer uma punção lombar, a tal picada nas costas que permite o acesso ao líquido que circula entre as meninges. É a partir da sua análise que se obtém informações sobre o que se passa e que se faz o diagnóstico.

Esta técnica consiste na introdução de uma agulha entre as vértebras, para penetrar no espaço onde corre o líquido céfalo-raquidiano e colher um pouco para análise.

Deve contudo desmistificar-se um pouco a ideia de que é um exame muito cruel, porque o método é mais aparatoso do que doloroso e existem exames bem mais agressivos. A posição curvada da criança, a ideia de uma agulha a perfurar as costas fazem com que a punção seja encarada como a pior das agressões.

De qualquer forma, em caso de suspeita a punção lombar terá de ser feita e caso o diagnóstico confirme a meningite, a criança terá que ficar internada, seja ela virai ou bacteriana.

Comentários

Como fazer o diagnóstico? | Para Pais.