A minha companheira teve um aborto. Tenho-a apoiado mas também estou muito triste. O que devo fazer?



Lidar com um aborto é muito difícil tanto para a mulher como para o homem, mas muitas vezes é dada à mulher muita mais atenção e os sentimentos do homem são simplesmente ignorados.
Contudo, é importante que não interiorize a sua perda e reconheça os seus sentimentos, que podem variar desde sentir-se assustado, desapontado e fora de controlo, a culpar-se por não ter apoiado o suficiente a sua companheira e à dor da perda da sua identidade como pai.
Embora queira apoiar a sua companheira, também precisa de reconhecer a sua própria necessidade de ser consolado, pois enfrentar as suas emoções pode ajudá-lo a acertar a sua perda mais rapidamente.
Uma boa rede de apoio é importante para ambos e pode ajudá-los a encontrar um bom ouvinte fora dos vossos relacionamentos.
De início, pode achar mais fácil discutir os seus sentimentos com outro homem do que com a sua companheira.
Também pode falar com o seu médico, parteira ou um especialista.

Comentários

A minha companheira teve um aborto. Tenho-a apoiado mas também estou muito triste. O que devo fazer? | Para Pais.